Alerj pede à Anac que Governo do Estado seja responsável pela concessão do Aeroporto Santos Dumont

A Assembleia Legislativa do Rio pede à Agência Nacional de Aviação Civil que o Governo do Estado seja responsável pela concessão do Aeroporto Santos Dumont. O ofício, encaminhado na segunda-feira (8), solicita que o terminal localizado na capital fluminense tenha tratamento equivalente ao adotado em relação ao Aeroporto de Pampulha, em Minas Gerais.

De acordo com a Alerj, a iniciativa pretende evitar um possível esvaziamento do Galeão. As autoridades fluminenses criticam a intenção da União de conceder o Santos Dumont sem restrições para oferta de voos.

Em outubro, a Assembleia Legislativa lançou uma Frente em Defesa do Aeroporto Internacional do Galeão. O movimento reúne autoridades, entidades empresariais, associações e deputados estaduais e federais.

Recentemente, o Governo Federal deu aval para que o governo mineiro realizasse o leilão do terminal de Pampulha. A CCR, que também administra o aeroporto de Confins venceu a disputa. Desta forma, Pampulha ficou com os voos regionais e de pequeno porte, enquanto Confins seguiu com as operações internacionais.

 

Fonte: Band News