Ciclistas sobem a Serra neste domingo para GP das Montanhas Rota 116

Em sua quinta edição, o tradicional GP das Montanhas Rota 116 reúne neste domingo, dia 28, a partir das 9 horas, ciclistas de todo o Estado do Rio para a prova que terá 26 quilômetros de pedalada, sendo que 21 deles, de subida. A prova que exige muito esforço, reúne atletas de 18 a 70 anos, e entre eles estará a campeã brasileira da categoria Master B, Paula de Campos. O GP das Montanhas Rota 116 vale como pontuação para o ranking estadual de ciclismo.

Com largada no quilômetro 39 da RJ 116, em frente a Vila Olímpica de Cachoeiras de Macacu, a prova com cerca de 200 atletas inscritos, tem como ponto final o quilômetro 65, em Theodoro de Oliveira, a 1089 metros de altitude. Em 2019, quando aconteceu a última prova, o primeiro atleta a cruzar a linha de chegada fez o percurso em 55 minutos e 31 segundos.

Organizador da competição, Orlando Miele destaca que o GP das Montanhas, Rota 116 é uma das provas mais requisitadas do calendário nacional devido a exuberância das belezas naturais por onde os atletas passam, mas também pela infraestrutura fornecida pela Concessionária Rota 116, patrocinadora da competição.

“Poucas provas no Brasil têm essa estrutura, a Concessionária Rota 116 isola toda a faixa da direita da rodovia para os competidores e temos 21 quilômetros de pista segregada com cones o que dá muito conforto para os atletas. Além disso, viaturas ficam disponibilizadas em pontos estratégicos com o objetivo de orientar e prevenir qualquer incidente”, destaca Miele.

Para Edyano Bittencourt, superintendente geral da Rota 116, a prova de domingo já faz parte do calendário de eventos da Concessionária que busca sempre apoiar programas que estejam em sintonia com os princípios da Rota 116. “Esta é a quinta edição do GP das Montanhas Rota 116 e temos muito orgulho em dar total apoio à sua realização. A nossa rodovia corta o Parque Estadual dos Três Picos, e procuramos estar em sintonia com iniciativas que tenham um viés voltado para o esporte e a preservação do meio ambiente”, destaca ele.

Protocolos

A realização da edição 2021 do GP das Montanhas Rota 116 só foi possível devido a flexibilização das medidas de enfrentamento da Covid-19 por parte das prefeituras de Cachoeiras de Macacu e de Nova Friburgo e todos os protocolos de enfrentamento à pandemia estão sendo respeitados. Também é exigido o comprovante de vacinação de todos os atletas. “Essa prova não pode acontecer no ano passado, mas agora, com o controle da pandemia em nossa região conseguimos, respeitando todos os protocolos sanitários, realizá-la”, destaca Miele.

 

Crédito: Vinícius Martins