Em parceria com o Lona na Lua, Associação do Ministério Público do RJ lança campanha de doação de brinquedos para o Dia das Crianças

A parceria da Associação do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (Amperj) com o projeto Lona na Lua tem mais uma novidade. Na última quarta-feira (1º) o órgão deu início a uma campanha de arrecadação de fundos para a compra de brinquedos, que serão doados a crianças carentes de Rio Bonito e Tanguá (RJ). Desde março, a Associação conta com a contribuição dos associados na distribuição de donativos a pessoas em vulnerabilidade econômica e social, e agora chegou a vez dessa união se fortalecer em prol das crianças de 4 a 7 anos, através da doação de brinquedos.

“Sabemos que as crianças são as mais afetadas em meio aos problemas sociais, principalmente em decorrência da pandemia, por isso queremos fazer a diferença neste Dia das Crianças. Contamos com a colaboração dos nossos associados, que ao longo deste período têm nos ajudado a manter as doações de cestas básicas. Agora, vamos fazer a diferença através dos brinquedos, tão essenciais para o desenvolvimento da criançada”, diz Felipe Ribeiro, diretor financeiro da Amperj.

Os brinquedos serão entregues ao projeto sociocultural Lona na Lua, com sede em Rio Bonito e Tanguá. “A ideia é que uma trupe da Lona entre nas comunidades para fazer a distribuição, não necessariamente para alunos do projeto”, explica Zeca Novais, fundador e diretor do Lona na Lua.

Zeca destaca ainda a preocupação do projeto com a autoestima das crianças que vivem nas regiões mais pobres.

“A pandemia nos trouxe muitas tristezas, perdemos muitas vidas e tivemos um grande impacto na autoestima dessas crianças, que, muitas vezes, não têm acesso à internet para que possam estudar em suas casas. Receber esse carinho neste momento tão difícil é muito importante para essa garotada. É amor, é caridade, uma atitude genuína, com muito desprendimento e bonita da Amperj”, diz Zeca.

A ONG já conseguiu parceria com a editora Sextante, que vai contribuir com a doação de livros. A Amperj entra nessa corrente para completar a alegria das crianças, com os brinquedos.

“Meu sentimento é de gratidão, porque desde o início desta gestão, o presidente, Cláudio Henrique Viana, e o diretor financeiro, Felipe Ribeiro, sempre foram muito sensíveis às causas sociais. É só olhar um pouquinho as redes sociais da Amperj, que vemos uma série de ações em benefício de inúmeros projetos sociais. É uma gestão democrática”, destaca o fundador da ONG.

 

Faça sua contribuição e seja parte desta história.

Banco: Sicoob Coomperj – Código 756
Agência: 4338-9
Conta: 460-0
Favorecido: Amperj, CNPJ nº 42.177.410/0001-52

 

Fonte: www.amperj.org