Jovem mergulha na ‘Lagoa Azul’, em Tanguá, e desaparece; Corpo de Bombeiros faz buscas no local

Agentes do Corpo de Bombeiros retomam na manhã desta terça-feira (25), o segundo dia de buscas por um jovem de 18 anos que se afogou no lago que ficou conhecido como “Lagoa Azul”, em Tanguá, na Região Metropolitana do Rio. Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima foi identificada como Luiz Souza, que teria desaparecido depois de mergulhar no lago. Ainda não há informações sobre as circunstâncias do afogamento.

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, agentes do destacamento de Rio Bonito foram acionados por volta das 19h15 dessa segunda-feira (24), para a Estrada Minério, no bairro de mesmo nome, em Tanguá. Ao chegarem ao local, os bombeiros iniciaram as buscas na “Lagoa Azul”, mas não conseguiram localizar a vítima.

A Prefeitura de Tanguá informou que a Defesa Civil do município também foi acionada, mas encaminhou a ocorrência para o Corpo de Bombeiros.

SOBRE A “LAGOA AZUL”

O lago de água com tom verde esmerada foi batizado pelos moradores da região de “Lagoa Azul”. O lugar é uma antiga área de exploração de minério e ficou conhecido após a divulgação de uma reportagem produzida pelo Informe, em abril de 2017.

 

 

Crédito: Informe RJ