Polícia encontra ossos que podem ser de meninos desaparecidos em Belford Roxo

Depois da denúncia sobre a morte e onde estariam os corpos das três crianças que desapareceram em Belford Roxo, em dezembro, uma ossada foi encontrada por policiais da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), hoje, sexta-feira (30), na área próxima a uma ponte, na mesma cidade. No lugar, teriam sido deixados os sacos com os corpos dos três meninos.

Os ossos encontrados, se assemelham a costelas e estariam dentro de um saco preto. O material foi levado para a perícia e deve levar ao menos 7 dias para ser analisado. Fios de cabelo também foram encontrados e serão analisados. Devido ao estado avançado de composição, não foi descartada a hipótese de que seja a ossada de um animal. De acordo com fontes da Polícia Técnico-Científica, a ossada será levada para o setor de antropologia do Instituto Médico Legal.

 

Denúncia

A informação da suposta localização dos corpos veio de uma denúncia feita nesta semana. Depois de sete meses de investigação, um homem se apresentou à polícia e disse que o próprio irmão tinha participado da ocultação dos corpos.

Lucas Matheus, de 9 anos, e Alexandre Silva, 11, e Fernando Henrique, 12, sumiram no dia 27 de dezembro depois que saíram de suas casas para brincar.

Uma das linhas de investigação é a de que as crianças tenham sido vítimas de traficantes da localidade. Outra hipótese é a de que os meninos foram mortos após um deles ter roubado uma gaiola de passarinho de um parente de um dos traficantes do Castelar.

 

 

Fonte: Jornal O São Gonçalo