Prefeitura de Itaboraí vai revitalizar a Avenida 22 de Maio

Principal via de Itaboraí ganhará projeto de revitalização com recapeamento asfáltico completo, nova sinalização e ciclovia. Na última terça-feira (09/03), o prefeito Marcelo Delaroli se reuniu com o secretário de Estado das Cidades, Uruan Andrade, e o presidente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ), Luiz Roberto Pereira de Souza, no Rio de Janeiro, para a assinatura de um convênio cooperação para a execução de infraestrutura viária.

“A (avenida) 22 de Maio é a principal porta de entrada e saída da cidade, recebendo um grande fluxo de veículos. Queremos ordenar esse fluxo dando mais mobilidade para veículos e pedestres. Não vamos ficar restritos apenas ao centro da cidade, a parceria com o Governo do Estado e com o DER-RJ prevê mais investimentos para todo o município”, declarou o prefeito de Itaboraí.

O convênio também levará asfalto e saneamento básico para diversos bairros da cidade, visto que o município apresenta precariedade nesse setor. Outro ponto do convênio é que todo o trabalho será executado sem nenhum envolvimento de empresa privada.

O DER-RJ vai fornecer os insumos e a Prefeitura vai produzir, através da Usina de Itaboraí, o asfalto e todo material que será utilizado nos serviços de pavimentação no município, além de também utilizar a mão de obra do executivo municipal.

Essa parceria pública será possível graças ao retorno das atividades da usina de Itaboraí. Sem funcionar há oito anos, a reabertura foi um pedido pessoal do prefeito Marcelo Delaroli ainda na transição dos governos. No segundo dia de gestão, o próprio prefeito esteve junto com o atual secretário municipal de Obras, Alessandro Ferreira Rodrigues, para visitar as instalações da usina e constataram que seria possível em curto prazo retornar a produção.

Desde então a Usina de Itaboraí tem intensificado a produção de asfalto e artefatos de cimento para atender as vias da cidade.

Marcelo Delaroli é o novo presidente do Conleste

O prefeito de Itaboraí, Marcelo Delaroli, foi eleito por unanimidade o novo presidente do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste) para o biênio 2021-2022. A votação aconteceu seguindo os protocolos de distanciamento social, devido a pandemia do Covid-19 durante Assembleia Geral Extraordinária, na manhã desta sexta-feira (26/02), na sede do consórcio, no Centro de Itaboraí.

Para completar a chapa, o prefeito da cidade de Teresópolis, Vinicius Claussen, foi eleito como vice-presidente. Além deles, foram eleitos também os membros do Conselho Fiscal: Marina Rocha (Guapimirim), Rafael Miranda (Cachoeiras de Macacu) e Ramon Gidalte (Casimiro de Abreu). Além disso, Axel Grael, de Niterói, e Rodrigo Medeiros, de Tanguá, estarão à frente da agência de desenvolvimento do Conleste, a AdLeste.

Na eleição, estiveram presentes os prefeitos: Axel Grael (Niterói), Rodrigo Medeiros (Tanguá), Marina Pereira (Guapimirim), Renato Cozzolino (Magé), Rafael Miranda (Cachoeiras de Macacu), Fabrício de Napino (Silva Jardim), Ramon Gidalte (Casimiro de Abreu) e o deputado federal Altineu Cortes.

Criado em 2007, o Conleste reúne 16 municípios das regiões Leste Fluminense, Baixada Litorânea, Baixada Fluminense, dos Lagos e Serrana. Com principal objetivo de traçar estratégias de atuação conjuntas, conquistando, por meio de parcerias, atrativos que possam contribuir para o crescimento econômico, cultural e sustentável das regiões consorciadas.

Já os gestores de São Gonçalo, Capitão Nelson e o de Nova Friburgo, Johnny Maycon fizeram contato por vídeo conferência. Ausentes na votação, mas que ainda integram o consórcio, estão os municípios de Maricá, Rio Bonito, Araruama, Saquarema e Cabo Frio. Após a vitória na eleição, o prefeito Marcelo Delaroli celebrou a integração positiva de todas as cidades e ressaltou a luta por melhorias para toda a região.

“O consórcio tem que ter o espírito de unidade e analisar a prioridade de todos os municípios da região. Somos mais de 3,2 milhões de pessoas na região e precisávamos dessa união, como tivemos hoje, de todos os representantes das cidades para lutar pelo bem geral. A expectativa é positiva, temos a previsão de retomada do Gaslub em agosto e podemos avançar em muitas outras questões que estão sendo reunidas para organizar a ordem de prioridade”, explicou o prefeito Marcelo Delaroli.