Tanguá é declarada Capital Estadual da Laranja

O Projeto de Lei Nº 4616/2021, que dá a Tanguá o título de capital estadual da laranja, já havia sido aprovado em primeira votação. Na última quinta-feira (3), foi votado e novamente aprovado, após segunda discussão, em sessão plenária realizada na  Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) .

A aprovação do PL, que agora aguarda apenas a sanção do governador Cláudio Castro, além de confirmar o reconhecimento da cidade como uma das maiores produtoras de laranja no estado, trará mais investimentos na produção agrícola, bem como na área do turismo rural, atraindo mais turistas e promovendo a criação de novos postos de trabalho e, por conseguinte, mais renda para a população.

Segundo o prefeito de Tanguá, Rodrigo Medeiros, a fruta cultivada no município está perto de receber do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI)  o selo de indicação geográfica com o título de laranja mais doce do mundo,
reforçando a vocação da cidade.

“A gente recebe com muita alegria esse título que se soma a outras ações da prefeitura para fortalecer nossa identidade e o turismo rural”, disse Rodrigo Medeiros.

O projeto é de autoria do deputado estadual Eurico Junior, através de articulação da secretaria municipal de Cultura.

 

 

Crédito: Ascom Tanguá