Tóquio 2021: Brasil supera recorde de medalhas em Olimpíadas

O Brasil superou em Tóquio 2021 o seu melhor desempenho em Olimpíadas — com ao menos 20 medalhas garantidas.

E a contagem pode aumentar ainda mais nos próximos dias, com mais disputas pelo pódio até domingo, quando será encerrada essa edição dos Jogos Olímpicos.

Na manhã de sexta-feira (6/8), a seleção de vôlei feminina bateu a Coreia do Sul por 3 a 0 na semifinal e garantiu ao menos a prata. A disputa pelo ouro será no domingo, contra os Estados Unidos, às 1h30.

O Brasil já conquistou 16 medalhas até agora nos Jogos, sendo a mais recente a prata de Pedro Barros no skate park — foi a terceira medalha brasileira neste esporte, que estreou nos Jogos.

Mas, além das que já foram entregues aos atletas, o país já garantiu pelo menos outras três, além da medalha do vôlei feminino, em três competições que ainda estão em andamento:

– ouro ou prata no futebol masculino;

– ouro ou prata no boxe feminino até 66kg, com Beatriz Ferreira;

– ouro ou prata no boxe masculino até 75kg, com Hebert Conceição.

Com isso, o Brasil já pode dizer que teve uma performance ainda melhor do que no Rio de Janeiro, em 2016, quando havia conquistado 19 medalhas — era, até agora, o recorde do país.

No entanto, se esse desempenho fosse colocado em um quadro de medalhas, o Brasil da Tóquio 2021 ainda estaria atrás do time da Rio 2016 — até aqui, o Brasil tem quatro ouros, três a menos do que na edição anterior dos Jogos.

Mas o país pode igualar essa marca ou mesmo superá-la, porque ainda disputará quatro ouros no boxe, no futebol e no vôlei e tem em Isaquias Queiroz, da canoagem, uma esperança de chegar ao lugar mais alto do pódio.

Vale ressaltar que, na Rio 2016, a delegação brasileira foi muito maior — já que esportes coletivos do país-sede estavam automaticamente classificados para os Jogos, e havia regras que favoreciam a participação de atletas da casa.

O Brasil levou menos atletas para o Japão, mas ainda assim, a delegação atual é a maior já enviada ao exterior: 301 atletas. Em Londres 2012, 257 brasileiros participaram. Na Rio 2016, foram 465.

Com isso, os cinco melhores desempenhos do Brasil em Olimpíadas em número de medalhas são:

1. Tóquio 2021: 20 medalhas (16 conquistadas: 4 ouros, 4 pratas, 8 bronzes — 4 a definir)

2. Rio 2016: 19 medalhas — 7 ouros, 6 pratas, 6 bronzes

3. Pequim 2008: 17 medalhas — 3 ouros, 4 pratas, 10 bronzes

4. Londres 2012: 17 medalhas — 3 ouros, 5 pratas, 9 bronzes

5. Atlanta 1996: 15 medalhas — 3 ouros, 3 pratas, 9 bronzes

Se a tabela for organizada a partir de ouros conquistados, o Brasil de Tóquio 2021 ainda está atrás das equipes brasileiras de Rio 2016 e Atenas 2004, com quatro ouros.

Levando em conta que os Jogos atuais ainda estão em andamento, os melhores desempenhos dos campeões olímpicos do país foram:

1. Rio 2016: 7 ouros

2. Atenas 2004: 5 ouros

3. Tóquio 2021: 4 ouros

4. Pequim 2008, Londres 2012, Atlanta 1996: 3 ouros

7. Moscou 1980, Barcelona 1992: 2 ouros

9. Seul 1988, Los Angeles 1984, 1920 Antuérpia, 1952 Helsinque, 1956 Melbourne: 1 ouro

Fonte: bbc.com