Vídeo de briga usando um jacaré como arma em praia do Rio viraliza

Se depender dos banhistas que frequentam a Praia da Macumba, na Zona Oeste do Rio, a natureza está muito bem representada. É que muitos deles estão dispostos a brigar para que tudo fique no seu lugar. Pelo menos é isso que afirma a artesã Edina Ferreira, de 33 anos, e que presenciou parte da briga entre dois homens na quarta-feira (20) envolvendo um jacaré.

No vídeo que circula nas redes sociais, um deles usa o animal para ameaçar o outro, enquanto um salva-vidas tenta apartar a briga.

“Estava na praia e vi o senhor que aparece na briga com outras duas pessoas na areia. Eles estavam esperando o Corpo de Bombeiros para resgatar o jacaré. Mas o senhor ficou com o bicho na mão, e um engraçadinho começou a dizer que o jacaré era dele. O rapaz que brigou, acreditou e achou que o senhor estava maltratando o animal, achou que ia levar para a casa”, disse Edina, que só viu o vídeo da briga depois.

O jacaré chegou à praia depois de uma das cheias dos canais de Marapendi e das Taxas, depois de uma semana de chuva no Rio de Janeiro, o que, segundo moradores, é muito comum na localidade.

“Acho que o rapaz não é da região porque ele já chegou brigando, e os moradores do Recreio já estão acostumados com os jacarés que descem até a praia. Alguns pegam e devolvem para o Canal das Taxas, onde eles vivem, mas o certo é aguardar o bombeiro, como o senhor estava fazendo”, diz ela que mora no bairro, frequenta a Praia da Macumba e está acostumadíssima com as visitas dos répteis. O que ele estranhou mesmo foi a briga pelo bicho e com jacaré sendo usado como arma.

“Aqui sempre aparece jacaré, mas briga pelo bicho, nunca tinha visto não”, disse rindo.

A Defesa Civil informou que o salva-vidas conseguiu conter a confusão, e acionou uma equipe do Corpo de Bombeiros para fazer a captura do animal. O jacaré foi devolvido para o Parque Natural Municipal de Marapendi, onde fica o canal das Taxas e o animal vive.

Fonte: g1