Niterói aprova auxílio de R$500 para microempreendedor

Foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Niterói uma proposta anunciada na semana passada. Cerca de 7 mil  microempreendedores terão auxílio de R$ 500 com alvará no município durante três meses, de abril a junho. Segundo a secretária municipal de fazenda, Giovanna Victer, os beneficiados poderão dar entrada no auxílio pelo site da secretaria de Fazenda.

A prefeitura de Niterói fará também parceria com bancos para financiar crédito a micro e pequenos empresários estabelecidos na cidade. Serão colocados R$ 150 milhões à disposição a juro zero. Os juros serão pagos pelo município. A medida foi anunciada pelo prefeito Rodrigo Neves na noite desta quarta-feira e faz parte de um conjunto de ações para reduzir o impacto econômico no setor de comércios e serviços causados pela pandemia do coronavírus.

Rodrigo Neves anunciou na live, transmitida pela página da prefeitura no Facebook, que os empresários poderão contrair empréstimos de R$ 50 mil  a R$ 200 mil e pagar parcelado sem juros. Para empresas com até 19 funcionários, a prefeitura dará o benefício de pagar um salário mínimo para até nove empregados pelo período de três meses. Em contrapartida, elas não poderão demitir os funcionários pelos próximos seis meses. Giovanna Victer, disse que a prefeitura estima, com essa medida,  preservar dez mil postos de trabalho.

O prefeito também disse que será concedido aos dois mil taxistas de Niterói um salário mínimo por três meses. Essas medidas ainda aguardam aprovação pela Câmara.