Itacoatiara, em Niterói, pode ter registrado a maior onda já surfada no Brasil

O surfista Gabriel Sampaio aproveitou, e muito bem, o swell que entrou na manhã de ontem, quinta-feira (19), no litoral de Niterói e pode ter batido o recorde da maior onda já surfada no Brasil, segundo fotógrafos e surfistas que estiveram na Praia de Itacoatiara.

Apesar das condições adversas, o surfista desceu numa “bomba” de aproximadamente seis metros, segundo foi reportado no local. Para comparação a maior onda surfada registrada no Brasil até o momento foi em 2019, na praia da Costa (ES), entre 5m e 6m de altura.

Ano passado, no último swell, em abril, ocorreu uma onda rara e poderosa, também no quintal de Niterói, na Laje da Besta. O fenômeno que acontece na Baía de Guanabara, desperta de tempos em tempos no Rio de Janeiro com ondas de aproximadamente 4 metros na entrada da Baia, entre o Pão de Açúcar e Niterói. Ou seja, o feito de Gabriel Sampaio no Shock em Itacoatiara conseguiu ser maior.

Nas primeiras horas da manhã, os salva-vidas da praia disseram à reportagem que o swell entrou com ondas de aproximadamente três metros. Porém, a tempestade subtropical Yakekan (que significa som do céu) afastou os surfistas. Isso aconteceu por causa do vento de Sul atingiu a praia e prejudicou a formação das ondas.

Não havia nenhum surfista no Costão ou no Pampo. Somente no Shock, atrás da Prainha, onde as ondas foram surfadas de tow-in, quando o surfista é puxado para onde por um Jet-Ski.

Apesar das ondas no local apresentarem os perigosos tubos de costume, o mar mexido por causa dos ventos prejudicou a performance dos surfistas.

 

Crédito: Jornal A Tribuna

Foto: Tony D’Andrea/ ItacoatiaraBigWave

Ex-jogador de futebol Holandês morre ao pular de penhasco; veja o vídeo

Ex-jogador de futebol, Mourad Lamrabette morreu na semana passada após pular de um penhasco de 30 metros em Maiorca, uma ilha paradisíaca da Espanha, onde passava férias com a mulher e os filhos. A informação foi publicada pelo jornal ‘A Bola’.

Segundo o jornal, o ex-atleta tentou alcançar o mar, mas não conseguiu ter impulso o suficiente e acabou se chocando com as pedras. O vídeo postado em redes sociais foi feito pela esposa do ex-jogador, que gravava o momento que deveria ser de descontração em família.

O laudo da perícia apontou que Mourad morreu por afogamento após perder a consciência com o choque de cabeça nas pedras. Ele nasceu na Holanda e jogou quase toda a carreira no Vitesse, no seu país natal.

 

Crédito: Portal R7

Zeidan, André Ceciliano e Carlos Minc atuam em conjunto na ALERJ para fortalecer a paz nos estádios de futebol e em prol das torcidas organizadas

O Diploma Cristo Redentor foi entregue às Torcidas Organizadas do Estado do RJ pela deputada Zeidan (PT) e os deputados André Ceciliano (PT) e Carlos Minc (PSB). Estiveram presentes no plenário da ALERJ os representantes das torcidas do Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo e América.

Zeidan foi autora do Projeto de Lei que teve coautoria dos deputados Minc e Ceciliano e foi recém-aprovado estabelecendo o dia 13 de dezembro como o Dia das torcidas organizadas, e que aguarda sanção do governador.

“Esse é um reconhecimento da importância não somente da história dos times e do nosso futebol mas da cultura de nosso país. E quando falamos de cultura e futebol falamos de toda uma forma de expressão. Muitas vezes é nela a única forma em que jovens das periferias encontram abrigo e se sentem parte de um grupo. Defendemos as torcidas e manifestações não-violentas”, disse Zeidan.

Ao lado do presidente da ALERJ, deputado André Ceciliano e do deputado Carlos Minc, Zeidan pediu paz nos estádios.

“Defendemos paz nos estádios. Queremos punição aos torcedores que usam de violência, seja ela qual for, mas os times não podem ser penalizados por ações individuais. Que se puna o CPF do agressor e não o CNPJ das torcidas”, declarou a deputada petista.

O momento serviu ainda para a transmissão da posse do presidente da Associação Nacional das Torcidas Organizadas (ANATORG) Alex Minduin para o seu sucessor Luiz Cláudio, o Claudinho, novo presidente.

Também esteve presente o tenente Bruno Corrêa, representando o Batalhão Especializado de Policiamento em Estádios (BEPE).

Cidades do Rio de Janeiro registram chuva de granizo; fortes chuvas devem continuar nesta terça-feira (17); veja o vídeo

Uma chuva de granizo atingiu cidades do Rio, na tarde de ontem, segunda-feira (16), e assustou moradores da região. São Gonçalo e Niterói foram alguns dos locais que presenciaram o evento.

As chuvas começaram por volta das 15h40 e duraram cerca de 15 minutos. Moradores e trabalhadores que estavam em casa e nas ruas filmaram o acontecido.

A presença de fortes chuvas devem continuar em praticamente todo estado pelo menos até o fim desta terça feira (17). Alguns lugares já entraram no estágio de mobilização.

 

Crédito: Jornal O São Gonçalo

Viralizou: ao descobrir traição, mulher cola cartaz de término no carro do ex: ‘crie vergonha na cara’

Colado na lateral de um carro, um cartaz assinado por ‘Naná’ chamou a atenção de quem passava pela avenida Marquês de Herval, no bairro da Pedreira, em Belém, no último domingo (15). Nele, a mulher demonstra estar cansada da traição do companheiro e desabafa sobre a amante: “crie vergonha na cara e venha morar com a moça, respeite ela”.

Na mensagem que viralizou nas redes sociais, a mulher, que pediu para ser identificada pelo apelido “Naná”, afirma que vivia há 13 anos com o homem identificado como “Alessandro”, e que ele sumia toda semana para dormir com a amante.

“Ele saía todo final de semana e voltava só na segunda-feira. A gente trabalhava juntos aqui no restaurante. Eu fiz isso e pensei que só ele fosse ver. Nunca pensei que fosse ter essa repercussão”, comenta a mulher em entrevista a reportagem

 No cartaz, Naná também disse para o homem voltar para a casa nesta segunda-feira (16) para buscar as roupas: “eu não te quero mais“, pontuou nos dizeres.

O cartaz chamou a atenção de quem passava pelo local por conta da maneira como foi exposto, colado no carro de Alessandro, e pela sinceridade de Naná. Ela também pediu respeito à amante, sugerindo que o homem fosse morar com ela.

“A gente se dava super bem, principalmente no trabalho. Aí aconteceu isso, né? Agora é cada um seguir o seu caminho e vida que segue para todos. Tanto para ele, quanto pra mim”, afirmou.

Confira a mensagem na íntegra:

“Alessandro, depois de 13 anos nós vivendo juntos e você sumir toda semana e vir dormir com essa moça. A gente trabalha juntos e quando você volta pra casa, quer transar? Ela não te satisfaz no sexo? Na segunda-feira volte em casa para pegar suas coisas, porque eu não te quero mais. Crie vergonha na sua cara e venha morar com a moça, respeite ela… Ass: Naná.”

Crédito: Portal g1