Rio Bonito: cronograma de vacinação para grávidas e pessoas com comorbidades

Com a chegada de 2.110 mil doses de vacina recebidas neste domingo (2), a secretaria de Saúde divulgou o cronograma para imunização das pessoas com comorbidades contra a covid-19, com idades entre 18 a 59 anos. Para participar da vacinação prioritária, que começa nesta terça-feira (4), as pessoas devem comprovar a condição de risco (comorbidade), conforme recomendações do Plano Nacional de Operacionalização (PNO), com apresentação de exames, relatório médico, prescrição médica, entre outros documentos. São 22 as comorbidades incluídas como prioritárias para vacinação contra o novo coronavírus, entre elas obesidade mórbida, diabetes, insuficiência cardíaca, síndrome de Down, doenças cardiovasculares e doenças renais crônicas.

Na terça-feira, dia 4, acontece a vacinação para Pessoas com Síndrome de Down, a partir de 18 anos de idade, e pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise), também a partir de 18 anos de idade. Na quarta-feira (5) é a vez das gestantes e puérperas com comorbidades, a partir de 18 anos, e pessoas com Deficiência Permanente, a  partir de 18 anos. Já na quinta-feira (5) serão vacinadas as pessoas de 59 anos com comorbidades obrigatoriamente com comprovação.

Os grupos prioritários serão vacinados nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da Mangueira, Parque Andréa, Nova Cidade, Boa Esperança, Rio Vermelho, Viçosa, Boqueirão, Serra do Sambê, Rio do Ouro, Jacuba, Lavras, Colina, Sambê, Bela Vista, Clínica da Família, Praça Cruzeiro, Ipê, BNH, Cajueiro, Parque Indiano, Basílio, Mata, Catimbau, Rio Seco, Braçanã, Mineiros, Jacundá e Vertente, no horário das 9 às 16 horas. Vale lembrar que o local de vacinação dos idosos residentes no Centro, Caixa D Água, Paineiras e locais que não possui unidade de ESF, será no Centro Pediátrico Municipal Dr. Almir Branco. Já nos bairros do interior de difícil acesso, a vacinação acontece de forma itinerante.

Lista de comorbidades -São consideradas como comorbidades: Diabetes; pneumopatias crônicas graves; hipertensão arterial resistente; hipertensão arterial estágio 3; hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade; doenças cardiovasculares; insuficiência cardíaca; cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doenças da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênita no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; doença cerebrovascular; doença renal crônica; imunossuprimidos; anemia falciforme; obesidade mórbida; síndrome de Down; e cirrose hepática.

Idosos Acamados – A secretária de Saúde, Daiana Albino, explicou que os idosos nessa faixa etária, que tiverem acamados ou com dificuldade de locomoção e não puder comparecer nos locais de vacinação, as dosagens serão realizadas  normalmente nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF). A família deverá solicitar esse procedimento na unidade do bairro, pelo telefone (21)2734-1539 ou por e-mail: vacinacovid19@riobonito.rj.gov.br.

A prefeitura informa que essas ações para vacinação dos grupos prioritários, seguem um cronograma da vacinação e o controle de doses recebidas contra o Covid-19 que são destinadas ao município pelo Governo do Estado.

Maricá: Novo calendário de vacinação para os grupos prioritários

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria Municipal de Saúde, divulgou neste domingo (02/05) o seu novo calendário (veja aqui) de vacinação contra a COVID-19 destinado aos grupos prioritários que incluem idosos, pessoas com comorbidades, entre outros.

O novo cronograma que começa nesta segunda-feira (03/05) e vai até o sábado (08/05), mantém o escalonamento decrescente por idade.

Estão incluídas neste calendário gestantes e puérperas maiores de 18 anos e com comorbidades; pessoas com síndrome de down; doença renal crônica; deficiência permanente e grupo de comorbidades conforme calendário de idades.

De acordo com a Secretaria de Saúde a continuidade da vacinação contra a Covid-19 em Maricá  só é possível devido aos novos lotes recebidos neste fim de semana (01 e 02/05).

Ao todo foram 5.200 doses do imunizante Astrazeneca recebidas no sábado e 480 doses da Coronavac (140 doses no sábado e 340 no domingo).

Ainda segundo a pasta, todas as doses, que não são muitas, recebidas da Coronavac serão utilizadas para a aplicação da segunda dose em pessoas dos grupos prioritários que tenham tomado a primeira dose do imunizante há mais de 28 dias. Já os imunizantes da Astrazeneca serão direcionados a primeira dose dos grupos prioritários presentes no atual calendário.

Grávidas são incluídas no grupo prioritário de vacinação pelo Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde decidiu incluir as grávidas e puérperas (mulheres no período pós-parto) no grupo prioritário para receber a vacina contra a covid-19, informou hoje (27) a coordenadora do Programa Nacional de Imunização (PNI) do ministério, Franciele Francinato.

Em audiência na Câmara dos Deputados para debater a situação das vacinas no país, a coordenadora disse que a medida foi tomada em razão da situação preocupante da pandemia no Brasil e visto que grávidas e puérperas têm risco maior de hospitalização por covid-19.  “A vacinação deve começar a partir do dia 13 de maio”, informou. Em 15 de março, o governo já tinha incluído as gestantes com comorbidades. De acordo com Franciele, uma nota técnica foi encaminhada ontem (26) aos secretários estaduais de Saúde, com as novas orientações.

“Nossa indicação é que, nesse momento, vamos alterar um pouco a recomendação da OMS [Organização Mundial de Saúde] que hoje indica a vacinação, de acordo com o custo x benefício. Mas, hoje, o risco de não vacinar gestantes no país já justifica a inclusão desse grupo para se tornar um grupo de vacinação nesse momento”, afirmou.

Apesar da mudança, de acordo com a pasta, em um primeiro momento, devem ser vacinadas as grávidas com doenças pré-existentes. De acordo com a coordenadora, serão usadas as vacinas Coronavac, AstraZeneca e da Pfizer. Neste caso, o primeiro lote de entregas do imunizante deve chegar na próxima quinta-feira (29) e 1,3 milhão de doses serão distribuídos para utilização nas capitais.

Franciele disse que a medida foi tomada devido a necessidade de armazenagem das vacinas. Para manter a estabilidade do material, a vacina precisa ficar armazenada em temperaturas de -90° a -60°, por até seis meses. No caso das capitais, as doses serão encaminhadas aos centros que podem manter o imunizante em temperaturas de -20° pelo período de sete dias. “Para a aplicação, a vacina pode ficar em temperatura de geladeira, de até 8°, por até cinco dias”, afirmou.

 

Fonte: osaogoncalo

Idosos com 66 anos começam a ser vacinados nesta segunda-feira

A secretaria de Saúde começou nesta segunda-feira (12) a aplicação da primeira dose da vacina em idosos com 66 anos. O cronograma de vacinação da Covid-19 está sendo feito com as doses que chegaram na sexta feira(09). A aplicação das doses acontecem nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da Mangueira, Parque Andréa, Nova Cidade, Boa Esperança, Rio Vermelho, Viçosa, Boqueirão, Serra do Sambê, Rio do Ouro, Jacuba, Lavras, Colina da Primavera, Sambê, Bela Vista, Clínica da Família, Praça Cruzeiro, Ipê, BNH, Cajueiro, Parque Indiano e Basílio, onde o idoso deve estar cadastrado. Não é necessário chegar de madrugada, já que as unidades estarão abertas no horário das 9h às 16 horas. É necessário levar o CPF e comprovante de residência.

Durante a semana de 05 a 09 de abril, foram vacinados idosos entre 67 a 69 anos. A quantidade recebida para primeira dose vai imunizar a população de 66 anos e idosos de 67 anos que, por algum motivo, não puderam receber a vacina no momento que estava sendo disponibilizada. Para os idosos de 65 anos, a vacinação acontece assim que o município receber mais doses.

Vacinação Itinerante – Vale lembrar que o local de vacinação dos idosos residentes no Centro, Caixa D Água, Paineiras e locais que não possuem unidades de ESF, a vacinação será feita no Centro Pediátrico Municipal Dr. Almir Branco. Já nos bairros do interior de difícil acesso, a vacinação acontece de forma itinerante, no dia 13 de abril (terça-feira), nos ESFs da Mata, Catimbau, Rio Seco, Vertente, Mineiros, Jacundá e Braçanã.

A secretária de Saúde, Daiana Albino, explicou que os idosos nessa faixa etária, que tiverem acamados ou com dificuldade de locomoção e não puder comparecer nos locais de vacinação, as dosagens serão realizadas normalmente nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF). A família deverá solicitar esse procedimento na unidade do bairro, pelo telefone (21)2734-1539 ou por e-mail: vacinacovid19@riobonito.rj.gov.br.

A prefeitura informa que essas ações para vacinação dos grupos prioritários, seguem um cronograma da vacinação e o controle de doses recebidas contra o Covid-19 que são destinadas ao município pelo Governo do Estado.

 

Começa hoje a segunda dose da vacina para idosos de 75 a 79 anos

Campanha de vacinação

A secretaria de Saúde começou a aplicação da segunda dose da vacina para idosos de 75 a 79 anos. Esse grupo, que recebeu a primeira dose no CIEP, Basílio, Boa Esperança e Bela Vista,  no dia 12 de abril, deve ficar atento ao novo local para receber a segunda dose.  O cronograma para continuação da vacinação contra a Covid-19 está sendo feito com a aplicação das doses que chegaram na sexta feira(02).

A vacinação começou nesta segunda-feira (5), com a vacinação dos idosos de 79 e 78 anos, no Centro Pediátrico Municipal Almir Branco, no Centro. Na terça-feira (5), será a vez da vacinação para as pessoas com 77 e 76 anos, que será feita no Ambulatório Municipal de Boa Esperança. Na quinta-feira (7), a imunização será para os idosos de 75 anos, realizada no Ambulatório Municipal Manoel Loyola Junior. A aplicação da segunda dose da vacina nesses locais acontece das 9h às 16h.

A Secretária de Saúde, Daiana Albino, explicou que os idosos nessa faixa etária,  que tiverem acamados ou com dificuldade de locomoção e não puder comparecer nos locais de vacinação, as dosagens serão realizadas  normalmente nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF). A família deverá solicitar esse procedimento na unidade do bairro, pelo telefone (21)2734-1539 ou por e-mail: vacinacovid19@riobonito.rj.gov.br.

A prefeitura informa que essas ações para vacinação dos grupos prioritários, seguem um cronograma da vacinação e o controle de doses recebidas contra o Covid-19 que são destinadas ao município pelo Governo do Estado.