Teste da Fiocruz em amostras de esgoto em Niterói registra 94% de contaminação por coronavírus

Um projeto de vigilância ambiental liderado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), identificou a presença do novo coronavírus em 94% de amostras de esgoto coletadas em Niterói, na Região Metropolitana do Rio, nas primeiras quatro semanas de junho.

Os especialistas coletaram amostras em 29 pontos da cidade como estações de tratamento de esgoto, pontos de descarte de efluente hospitalar e na rede coletora de detritos de oito bairros e nove comunidades.

De acordo com a Fiocruz, a média de amostras positivas para a Covid-19 é de 85% em relação às 11 semanas em que a análise foi realizada, entre 15 de abril e 23 de junho.

Bairros e comunidades de Niterói onde as amostras foram coletadas:

  • Icaraí
  • Jurujuba
  • Itaipu
  • Engenhoca
  • Ititioca
  • Barreto
  • Várzea das Moças
  • Rio do Ouro
  • Palácio
  • Cavalão
  • Preventório
  • Vila Ipiranga
  • Caramujo
  • Maceió
  • Cascarejo
  • Morro do Estado
  • Boa Esperança