Detran-RJ estende tempo para retirar o Licenciamento de Veículos (CRLV) 2020

às

Os proprietários de veículos do Estado do Rio ganharam mais tempo para retirar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) 2020. O Detran-RJ prorrogou o calendário de licenciamento anual e o vencimento para todas as placas (0 a 9) passou para o dia 30 de novembro.

Para evitar aglomerações nas unidades, o departamento orienta que os proprietários de veículos busquem a versão digital do documento, que pode ser feita integralmente online pelo aplicativo “Carteira Digital de Trânsito”, do Denatran.

O documento digital baixado no aplicativo é válido em todo o território nacional, substituiu completamente o documento obtido nos postos do Detran e pode ser impresso em casa.

Apenas os proprietários que tiverem quitado os boletos de GRT (Guia de Recolhimento de Taxa, disponível no site do Bradesco) https://www.ib7.bradesco.com.br/ibpfdetranrj/DebitoVeiculoRJGRTLoaderAction.do e DPVAT (seguro obrigatório devido à Seguradora Líder) https://pagamento.dpvatsegurodotransito.com.br/ conseguirão fazer o download do documento.

O Detran disponibiliza um link para verificar a situação atual do CRLV http://www.detran.rj.gov.br/_monta_aplicacoes.asp?cod=16&tipo=crlv. Se todas as taxas estiverem quitadas, aparecerá uma versão parcial do documento de 2020. Caso, apenas a versão de anos anteriores apareça, é sinal de que alguma taxa deixou de ser paga.

No aplicativo Carteira Digital, um tutorial explica como realizar o licenciamento digital https://portalservicos.denatran.serpro.gov.br/carteiradigital/tutoriais/html/demo_17.html. O primeiro passo é se registrar, pelo próprio aplicativo, no gov.br, que é o cadastro do governo federal para documentação em geral.

VEJA O PASSO A PASSO PARA OBTER O CRLV DIGITAL:

PESSOA FÍSICA

1. Instale o aplicativo CDT – Carteira Digital de Trânsito no seu celular

2. Cadastre o usuário

– Uma vez instalado o app, abra e selecione: “Entrar com gov.br”
– Na tela seguinte, informe CPF e selecione “Próxima”
– Na próxima tela, crie uma conta e, após criá-la, retorne ao aplicativo e clique em “Entra com gov.br

3. Baixe o CRLV Digital

– Faça o login
– Selecione “Veículos”
– Informe o número do Renavam e o Número de segurança do CRV (é o antigo DUT, com 12 caracteres)
– Selecione “Incluir” e estará pronto o seu CRLV Digital

Importante:

Caso a pessoa já tenha sido usuário do antigo aplicativo CNH Digital, basta atualizá-lo para obter o app da Carteira Digital de Trânsito com a CNH disponibilizada automaticamente.

Outro ponto é que o número de segurança do CRV (Certificado de Registro do Veículo) está disponível somente neste documento, que também é conhecido como documento de compra e venda ou antigo DUT (Documento Único de Transferência). Está localizado na parte superior direita do documento.

PESSOA JURÍDICA

Através do menu “Meus veículos” no Portal de Serviços do Denatran

Requisitos: Certificado Digital ICP-Brasil (A1 ou A3) emitido em nome da pessoa jurídica proprietária do veículo.

1. Acesse o Portal de Serviços do Denatran;

2. Clique em “Entrar com gov.br”, depois selecione “Certificado digital”;

3. Na tela inicial clique em “Meus Veículos”;

4. Na sequência, serão exibidos os veículos registrados em nome da pessoa jurídica;

5. Clique sobre o veículo desejado, em seguida baixe o CRLV nos formatos “pdf” ou “p7s”;

6. O documento será baixado e você poderá imprimir em folha A4;

Mais informações: https://www.gov.br/infraestrutura/pt-br/assuntos/transito/conteudo-denatran/crlv-digital-saiba-como-baixar

 

Fonte: odia.ig.com.br

Veja também

As companhias aéreas Azul e Gol anunciaram, nesta quinta-feira (23), acordo de cooperação comercial que vai conectar as suas malhas aéreas
às
Cerca de 200 ciclistas deverão participar do GP das Montanhas de ciclismo que acontece neste domingo, dia 26 de maio
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias