Itaboraí: Estádio Alzirão recebe reformas

às

Depois da grande maratona de jogos de 2018, que de acordo com o portal Fut Rio, o Estádio Municipal Alziro de Almeida, conhecido como Alzirão, foi o mais acessado para jogos oficiais do Rio de Janeiro, o estádio encontra-se em processo de manutenção. Ao todo, aproximadamente 60 partidas foram realizadas, entre elas o campeonato Carioca, Copa Rio, jogos municipais, entre outros. O estádio é gerido pela Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo.

O gestor do Estádio Municipal Alziro de Almeida, Jorge Luis conceição, relatou que a oferta de jogos e campeonatos é bem grande e que o estádio é referência.Sendo assim, o principal objetivo da reforma é oferecer conforto e segurança a todos. “O trabalho está a todo favor. Os diversos jogos no ano acabam deixando desgastes no estádio e para evitar problemas graves e manter condições dignas para abrigar as partidas que estão por vir, estamos tomando as providenciam necessárias”, afirmou o gestor.

No Estádio estão sendo realizados reparos nas edificações, pintura e ainda a recuperação de todo o gramado, com a substituição de tapetes de grama.  A reabertura do Alzirão será no mês de maio, como acontece tradicionalmente, com retorno dos campeonatos das series C, B2 e B1 da Federação de Futebol do Rio de Janeiro. Como também as atividades esportivas que marcam o aniversário da cidade.  A proposta é  abrigar as novas maratonas de jogos oficiais e não oficiais (comunitário, festivos, diversos de base e outros). Portanto a previsão é que este ano de 2019, o equipamento esteja em melhores condições do que em outros anos.

 

Veja também

Criminosos desviaram R$ 640 mil da conta das vítimas para laranjas. Quadrilha aplicou golpe do empréstimo consignado em pelo menos 17 pessoas.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias