Brasil tem 9 vezes mais gado e galinha do que gente

Junto com porcos, ovelhas e outros bichos, rebanhos reúnem 1,9 bilhão de cabeças, além de quantidade incalculável de peixes e abelhas.
às
rethinking-farm-anima_fran-
Foto: Reprodução/bonsmara

O Brasil tem 203 milhões de habitantes humanos, que abarrotam as capitais e grandes centros do país.

É bastante, mas não se compara à quantidade de animais criados em fazendas para servir à nossa população e à de outros países: 1,9 bilhão.

É o que mostra a mais recente Pesquisa da Pecuária Municipal, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Quase todo esse rebanho bilionário é formado por bois, vacas, galinhas e frangos (1,8 bilhão de cabeças). É aproximadamente 9 vezes maior do que a quantidade de seres humanos no Brasil, e maior do que a população de qualquer país do mundo. E há, ainda, animais como porcos, codornas, cabras e ovelhas.

Outros rebanhos

🐷Nem só de boi, vaca e frango vive o país… Existem outros rebanhos imensos de porcos, ovelhas, codornas e cabras, mais numerosos do que a população de todos dos municípios brasileiros.

🐐A cidade mais populosa do país, São Paulo (SP), com 11,4 milhões de pessoas, é a exceção, mas só tem mais cabeças do que os rebanhos dos búfalos e dos cavalos.

Bichos por cidade

🏗️E você sabia que até na capital paulista existe um pouquinho de pecuária? De acordo com o IBGE, a cidade de São Paulo tem 465 animais bovinos e 2.500 porcos.

Veja no mapa abaixo quantos rebanhos de fazenda existem na sua cidade.

Produção de origem animal

Esses rebanhos produzem muito do que comemos, bebemos e vestimos.

🐄Do gado, por exemplo, vem a carne e uma grande variedade de produtos, como biodiesel, fertilizantes, produtos de higiene e até gelatinas.

Existem outros produtos curiosos, como:

  • 🐔Pé de galinha, que é comido que nem pirulito na China, um dos nossos maiores compradores;
  • Carne de cavalo (sim, existe e é autorizado pela lei);
  • Outras carnes diferentes, de capivaras e búfalos.

Crédito: g1

Veja também

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, abriu nesta segunda-feira (04/03) o segundo polo de atendimentos à dengue
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias