Governo do Rio cria Coordenação de Desaparecidos

às

O governo do Rio de Janeiro anunciou hoje (9), em solenidade no Palácio Guanabara, a criação da Coordenação de Desaparecidos, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

O lançamento ocorreu na presença do governador Wilson Witzel, da secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Fabiana Bentes, e da mãe do lutador de MMA, Vitor Belfort, Jovita Belfort – que teve a filha, Priscila, desaparecida há 15 anos. Agora, Jovita vai dirigir a coordenação.

Segundo o governo, a proposta da Coordenação de Desaparecidos é de atuar no planejamento e execução de ações que chamem a atenção para as principais demandas dos familiares dos desaparecidos do Estado do Rio de Janeiro – mais de 80 mil pessoas por ano.

Ao falar da importância da coordenadoria, uma iniciativa inédita, a secretária Fabiana Bentes disse que o estado irá agora lutar pela adoção do cadastro único de desaparecidos.

“Vamos agora lutar por um cadastro único e pela criação do Alerta Pri, semelhante ao alerta Amber, existente nos Estados Unidos, que avisa quando uma pessoa some.  O sistema divulga seus dados. A coordenação está sendo criada principalmente para fortalecer as ações associadas a políticas públicas. E a coordenadoria é um legado deste governo que dará ferramentas para que as políticas públicas possam se estender pelos governos seguintes, uma vez que está sendo criado por decreto”, disse.

Fonte: Agência Brasil

Veja também

Encerradas definitivamente, sistema de transferências via DOC, um dos mais tradicionais meios de pagamentos bancários por décadas.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias