Chuvas no RS: Prefeitura de Porto Alegre decreta estado de calamidade pública

A prefeitura de Porto Alegre decretou, na noite desta quinta-feira (2), estado de calamidade pública na capital gaúcha
às
rs
Foto: Edu Andrade/Fatopress/Estadão Conteúdo

A prefeitura de Porto Alegre decretou, na noite desta quinta-feira (2), estado de calamidade pública na capital gaúcha. O Rio Grande do Sul enfrenta uma chuva histórica que já deixou 29 mortos e 60 desaparecidos.

O decreto da administração municipal classifica o desastre climático como de grande intensidade. Na prática, a medida autoriza a prefeitura a empregar todos os recursos e voluntários na assistência à população e no restabelecimento de serviços.

Segundo as projeções da Defesa Civil Estadual, o Guaíba deve ultrapassar a cheia de 1941, atingindo 5 metros no período do final da tarde desta sexta-feira (3). As regiões da zona sul de Porto Alegre, Barra do Ribeiro, Guaíba, Eldorado do Sul e as ilhas do Guaíba devem ser mais atingidas.

De acordo com a última medição divulgada pela Prefeitura, o rio já estava com 3,37 metros.

A Defesa Civil de Porto Alegre divulgou um novo alerta indicando a possibilidade de continuidade das chuvas extremas até às 12h da próxima segunda-feira (6).

“Estamos atuantes de forma ininterrupta em toda a cidade, mas pedimos atenção especial da população do Centro Histórico e do 4º Distrito. Evitem deslocamentos. O Guaíba está avançando e, apesar do fechamento das comportas do Cais Mauá, há a possibilidade de alagamentos nesta área”, alertou o prefeito Sebastião Melo (MDB).

De acordo com a Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc), 304 pessoas estão acolhidas em abrigos temporários.

As aulas nas escolas da rede municipal permanecerão suspensas hoje (3), segundo a Secretaria Municipal de Educação (Smed), e será mantido o regime de plantão para acolhimento de alunos que necessitarem.

Ao todo, 31 serviços de saúde foram impactados pela chuva e elevação do Guaíba. Destes, dez interromperam as atividades e 21 operaram com restrições. A equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) presta apoio à Polícia Rodoviária Federal (PRF) nos resgates aeromédicos às vítimas das enchentes.

Fonte: cnnbrasil.com

Veja também: Prefeitura de Rio Bonito decreta ponto facultativo na segunda-feira, 6 de maio e nos acompanhe nas redes sociais.

Veja também

Dois homens foram presos em flagrante na madrugada desta segunda-feira (17) por porte ilegal de armas, munições
às
Uma pré-candidata a vereadora de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e seu filho foram assassinados na noite deste sábado
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] também: Chuvas no RS: Prefeitura de Porto Alegre decreta estado de calamidade pública e nos acompanhe nas redes […]

Últimas Notícias