Prefeitura de Tanguá vai criar corredor de murais e grafites no Centro

A prefeitura de Tanguá vai criar um corredor artístico, no Centro da cidade, com murais e grafites elaborados por artistas locais. A iniciativa, inspirada nos murais da Zona Portuária do Rio, visa revitalizar os espaços abandonados.

O projeto começa a ser executado em março. Um dos locais contemplados é o muro de 120 metros de extensão do Campo do Tanguá, localizado na Avenida Dulce Lopes Garcia, que será preenchido com variados tipos de trabalhos artísticos.

“A gente iniciou a convocação de alguns artistas plásticos locais para a revitalização e pintura do muro na Avenida Dulce Lopes Garcia e de outros pontos do Centro. A intenção é trazer um ar mais colorido para a cidade”, explicou Reginaldo Garcia, secretário municipal de Cultura.

Os croquis foram elaborados pelo artista plástico tanguaense Marcelo Gomes e abordam temas do turismo local, do patrimônio histórico do município e, também, de questões sociais, como a violência contra a mulher.

“Diversos projetos pelo país mostram o quanto a arte urbana vem sendo cada vez mais valorizada. Esses painéis vão colorir e valorizar ainda mais a nossa cidade”, disse Marcelo.

Artistas se unem para fazer doação de cilindro de oxigênio para Manaus

Whindersson Nunes está de férias no México, mas está ciente da situação que vive o sistema de saúde de Manaus, após crescente números de casos da Covid-19 no Amazonas. Por meio do Twitter, o humorista revelou que vai doar 20 cilindros, que comportam 50 litros de oxigênio, para os hospitais e ainda pediu a ajuda de amigos famosos.

“Providenciando 20 cilindros de 50L de oxigênio para distribuir nas unidades mais urgentes em Manaus! Alô meus amigos artistas. Na hora de fazer show é tão bom quando o público nos recebe com carinho, não é? Vamos retribuir?”, escreveu Whindersson no Twitter.

Em seguida, a primeira pessoa que confirmou adesão foi a apresentadora Tatá Werneck, que se pronunciou no Instagram. “Eu vi que o Whindersson achou uma maneira de doar e de comprar cilindros, então eu também vou comprar 10 cilindros e queria pedir aos amigos que eu sei que podem também para ajudarem”, pediu Tatá.

Whindersson ainda confirmou mais nomes de famosos nessa corrente de solidariedade, como o do comediante Tirullipa, das cantoras Simone, da dupla com Simaria, e Marília Mendonça, Tierry, do casal Wesley Safadão e Thyane  e do jogador Richarlisson, que joga atualmente na Inglaterra.

Outros famosos responderam a mensagem e disseram que também vão ajudar, como o jornalista Hugo Gloss, o ator Bruno Gagliasso e o apresentador Luciano Huck. Estima-se que mais de 150 cilindros tenham sido doados.

O sertanejo Gusttavo Lima também pretende doar e disse estar “desenhando a logística”. “Sábado estará chegando em Manaus 150 cilindros de oxigênio… Estou com todos vocês, manauaras”, publicou o cantor no Twitter.

Famosos pedem urgência

Além de doações, artistas têm compartilhado informações sobre a situação em Manaus, além de formas do público ajudar também. “Por favor, ajudem com qualquer quantia para as instituições abaixo. Todas são sérias e estão ajudando a salvar vidas em Manaus”, pediu o influencer Felipe Neto ao compartilhar contas de instituições que estão na linha de frente.

Taís Araújo elencou as necessidades da região e clamou por ajuda. “A situação é desesperadora! Além de oxigênio os hospitais precisam de: remoção urgente, máscaras, válvulas tipo Y, borrachas para colocar os oxigênios. Toda a ajuda e mobilização é bem vinda agora”, postou.

Até o ator mexicano Alfonso Herrera, da novela “Rebelde” e da série “Sense 8”, também entrou na corrente. “Oxigênio para Manaus”, pediu, em espanhol, em seu Twitter pessoal.

 

Fonte: odia.ig.com.br

 

Prefeitura de Maricá garante o pagamento dos artistas selecionados pela Lei Aldir Blanc

Os artistas de Maricá que foram selecionados através das ações emergenciais destinadas ao setor cultural e desenvolvidas pela Secretaria de Cultura, tais como: Subsídio Emergencial, Edital Claudinho Guimarães e Prêmio Sidney Santos, previstos na Lei Federal 14.017/2020 (Lei Aldir Blanc), estão com os seus pagamentos garantido, conforme previsto no artigo 58 da Lei 4.320/1964 .

A Secretaria de Cultura do município esclarece que devido a trâmites burocráticos o repasse será creditado nas contas dos grupos e artistas nos primeiros dias de janeiro de 2021. Vale lembrar que o Subsídio Emergencial estabelece o pagamento de três a dez mil reais mensais para a manutenção de espaços artísticos e culturais, micro e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações culturais comunitárias que tiveram suas atividades interrompidas em função das medidas de isolamento social provocadas pela pandemia da Covid-19.

O Edital Claudinho Guimarães (iniciativa batizada em homenagem ao cantor e compositor, morador de Maricá, que faleceu em junho de 2020), prevê o subsídio de R$ 1.500 para cada um dos 122 habilitados, de acordo com os critérios estabelecidos pela equipe de seleção. Já o Prêmio Sidney Santos, destina o pagamento de R$ 3 mil aos artistas com mais de 60 anos e que estejam há 30 anos ou mais em atividade dedicada à cultura brasileira.