Polícia faz operação na Vila Aliança e criminosos sequestram ônibus na região

Criminosos sequestraram veículos para utilizar como barricadas na Vila Aliança, em Senador Camará, Zona Oeste do Rio e dificultar a entrada da polícia na comunidade, pelo segundo dia consecutivo.

Imagens do Globocop mostraram, por volta das 6h20 desta quarta-feira (10), ônibus e caminhões bloqueando a Estrada do Taquaral e outras vias de acesso à comunidade.

Moradores relatam intenso tiroteio na comunidade desde a madrugada. No mesmo horário, um blindado da polícia tentava acessar o interior da Vila Aliança, mas tinha dificuldade em função do bloqueio.

Esta terça (9), a Polícia Civil realizou uma operação nas comunidades do Rebú, Coréia e Vila Aliança para tentar prender uma quadrilha que atua como milícia e atua ainda no tráfico de drogas na região. A ação terminou com quatro mortos e 10 pessoas presas.

Um cemitério clandestino foi encontrado, com uma ossada humana, em uma região de mata que seria usada para construções irregulares, segundo as investigações. A Delegacia de Homicídios da Capital foi acionada. Na ação, 11 carros foram recuperados dentro das comunidades.

Logo no começo da manhã, criminosos chegaram a sequestrar um ônibus e uma van para dificultar o acesso da polícia ao interior da comunidade. Imagens do Globocop também mostraram bandidos em motocicletas fazendo uma espécie de ronda por ruas das comunidades.

Segundo a Delegacia de Combate às Drogas, a organização criminosa investigada tem implementado terror aos moradores destas comunidades, com o fechamento de ruas com barricadas, exploração de serviços básicos e até mesmo com a prática de crimes ambientais (desmatamento) para fins de exploração econômica.

Fonte: g1.globo.com

Polícia Militar apreende sete fuzis em menos de seis horas no Rio de Janeiro

Nesta terça-feira (9/2) sete fuzis foram retirados das ruas entre o fim da madrugada e a metade da manhã. As armas de guerra foram apreendidas em pontos distintos da cidade, em ocorrências na Ilha do Governador, no Complexo de Comunidades do Chapadão, em Costa Barros, e no Morro dos Macacos, em Vila Isabel.

Na primeira ação, no fim da madrugada, equipes do 17º BPM (Ilha do Governador) realizavam policiamento pelo bairro dos Bancários quando avistaram dois veículos com indivíduos em atitude suspeita. Ao tentar abordar os automóveis, os policiais foram atacados a tiros e houve confronto. Neste momento, um dos carros colidiu contra um poste e o outro conseguiu fugir. Após cessarem os disparos, os militares localizaram dois homens que estavam no automóvel e sofreram escoriações devido à colisão. Os feridos foram socorridos ao Hospital Municipal Evandro Freire e se apresentaram como vítimas. Na ação, um fuzil, duas réplicas de fuzil, uma réplica de pistola e um rádio transmissor foram apreendidos. A ocorrência foi apresentada na 21ª DP para apuração dos fatos.

Já nas primeiras horas da manhã, equipes do 41º BPM (Irajá) realizavam policiamento pelas imediações do Complexo de Comunidades do Chapadão, em Costa Barros, quando criminosos armados atiraram contra os policiais, gerando confronto. Em ação contínua pela Rua Fernando Lobo, as equipes apreenderam cinco fuzis. Dois criminosos feridos foram socorridos ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes.

Em Vila Isabel, por volta das 9h, equipes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Macacos realizavam policiamento pela comunidade quando, na esquina da Rua Petrocochino com Rua Senador Nabuco, criminosos armados atiraram contra os policiais, gerando confronto. Um criminoso foi atingido e socorrido ao Hospital Federal do Andaraí, onde não resistiu. Com ele foi apreendido um fuzil. Um segundo homem também foi preso.

O criminoso atingido, conhecido como “Messi”, era apontado como um dos chefes do crime organizado e do tráfico de drogas no Morro dos Macacos, possuindo 12 mandados de prisão em aberto em seu desfavor por crimes diversos como Homicídio Qualificado, Tráfico de drogas e Condutas Afins, Resistência, Posse ou Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito dentre outros. O Portal dos Procurados do Disque Denúncia oferecia uma recompensa de R$ 1.000,00 por informações que colaborassem com sua captura.

As ocorrências estão sendo registradas na 21ª DP (Bonsucesso), 39ª DP (Pavuna) e 19ª DP (Tijuca) respectivamente.

 

 

Fonte: osaogoncalo.com.br

‘Parceiro’ é executado na frente de moradores no Complexo do Salgueiro por criminosos

Criminosos, agiram mais uma vez dentro da própria comunidade no Complexo do Salgueiro durante o final de semana. O “dono” do local, António Hilário Ferreira, o Rabicó, juntou seus comparsas e executou um dos integrantes de seu bando, em frente a moradores e crianças, na ilha de Itaoca, no último sábado (6).

A informação está sendo investigada, após denúncias narrarem o ocorrido à Polícia Civil.

Ainda conforme as informações, a vítima do bando seria um jovem identificado como Schuab, que estava ocupando o mesmo cargo na hierarquia do crime que era ocupado por Marcelo Rosa da Silva, o Marcelo Rosão,  que também teria sido executado dentro do conjunto de favelas, pelo mesmo grupo, no ano passado.

Além do pedido de justiça, os denunciantes pedem ajuda para que o corpo seja localizado, já que após a execução, os criminosos ligados à facção do Comando Vermelho, levaram o cadáver do local e não permitiram, sequer, que a família se despedissem do homem.

Agentes da 72° DP (Mutuá) estão investigando o caso.

 

Fonte: osaogoncalo.com.br

 

Criminosos do tráfico de drogas são presos por Policiais Militares em Itaboraí

Na tarde desta quinta-feira (04), durante um patrulhamento na comunidade do Barreiro, em Itaboraí, policiais militares do 35° BPM (Itaboraí) voltaram sua atenção para um grupo de suspeitos. Ao perceberem a presença dos agentes, os criminosos iniciaram um tiroteio contra os policias, que se defenderam da ação.

Três criminosos permaneceram caídos no chão após terem sido baleados. Os acusados foram encaminhados para a 71ª DP (Itaboraí) para registro. Foram apreendidos um revólver calibre 38, uma pistola calibre 380, cinco munições, sete estojos do calibre 380, maconha, cocaína, um rádio transmissor e duas bases para carregar o aparelho.

Fonte: osaogoncalo.com.br

Troca de tiros entre militares e criminosos que tentavam fazer um roubo de carga

A Polícia Militar frustrou uma tentativa de roubo de carga, na manhã desta terça-feira (29), no bairro do Engenho Pequeno, em São Gonçalo. Houve troca de tiros entre militares e criminosos mas ninguém se feriu. Por volta de 8h, agentes do 7° BPM (São Gonçalo) foram acionados para atender a ocorrência, na Rua Coronel Azevedo. Os policiais chegaram ao local em cinco minutos, quando foram recebidos a tiros por criminosos.

Após o confronto, cinco assaltantes, que estavam a pé e em motocicletas, conseguiram fugir. Os policiais conseguiram recuperar a carga de refrigerantes e resgatar o motorista e dois ajudantes. Segundo a distribuidora, a carga está avaliada em aproximadamente R$ 20 mil. Os profissionais haviam saído do centro de distribuição no Caju, Zona Portuária do Rio, para fazer entregas em supermercados de São Gonçalo.

O motorista acabou tendo dinheiro e celular levados pelos criminosos. Ele relatou os momentos de pânico durante o tiroteio. “Não dá tempo de pensar em nada. Só na vida. Tiro passando pela sua cabeça. Só dá tempo de pensar nos filhos”, disse. A ocorrência foi registrada pela 73° DP (Neves).

 

Fonte: atribunarj.com.br