São Gonçalo: casal tem carro metralhado ao entrar em comunidade

Um casal teve o carro metralhado por bandidos ao entrar na comunidade Nova Grécia em Tribobó, São Gonçalo, nesta quinta-feira, sem saber que se tratava de uma região dominada por bandidos. Moradores de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, eles haviam ido ao local para ver um veículo anunciado na internet. Durante a fuga, o motorista perdeu o controle da direção do Renault Sandero e capotou. Ninguém ficou ferido.

O casal havia marcado de encontrar o anunciante do carro por telefone. De acordo com informações da polícia, alguns minutos após eles entrarem em Nova Grécia, os bandidos que estavam em outro veículo, se aproximaram e mandaram que o Renault parasse. O motorista acelerou para fugir e os criminosos abriram fogo. Houve perseguição.

Após o Renault capotar, o casal conseguiu sair do carro e se esconder numa residência. As vítimas foram resgatadas por uma equipe do 7º BPM (São Gonçalo). O caso foi registrado na 73ª DP (Neves), onde o casal prestou depoimento.

 

Fonte: rlagos

Mulher é morta a tiros em São Gonçalo

Uma mulher que ainda não foi identificada, com cerca de uns 30 anos, foi morta a tiros, na madrugada desta quinta-feira 22 de Maio. Ela foi socorrida, mas não resistiu. A polícia ainda não sabe onde o crime foi cometido.

A mulher foi socorrida e deixada na unidade de saúde por dois homens, que não se identificaram. Ainda não foi localizado nenhuma testemunha ou familiar da mulher.

Agentes da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo foram ao Pronto Socorro Central de São Gonçalo e registraram o caso.

O corpo foi transferido para o Instituto Médico Legal (IML), de Tribobó.

Pai de família é agredido por criminosos na própria casa

Na manhã desta segunda-feira, 19 de Abril, um pai de família passou por um verdadeiro pesadelo ao ter sua casa revistada, seus bens roubados, além de ser agredido por assaltantes. O crime ocorreu na Travessa Benjamin Constant, em Neves, São Gonçalo. Os cincos criminosos levaram documentos, chaves de veículos, dinheiro e outros bens da família.

Segundo informações da Polícia Militar, o morador saía de casa, por volta das 6h30 da manhã, para comprar pão, quando foi surpreendido pelo grupo. Ele resolveu entrar novamente em casa para sair com a moto, mas três dos criminosos rapidamente entraram com ele, enquanto outros dois ficaram do lado de fora, vigiando. Os suspeitos, que vestiam camisas na cor cinza e calças jeans, inicialmente, teriam se identificado para a vítima como policiais. Na ocasião, eles pediram dinheiro e logo depois, dois dos criminosos começaram a agredir o rapaz que, então, percebeu que se tratava de um assalto.

Os bandidos revistaram a casa e levaram R$ 25 mil em espécie, além de um cordão e um anel de ouro, perfumes, documentos, chaves de veículos, e dois celulares. A vítima alegou que possuía um comércio na região e, por isso, tinha essa quantia de dinheiro em casa. A mãe e o filho não presenciaram o crime, mas estavam na casa no momento do ocorrido.

O caso foi registrado na 73ª DP (Neves). Agentes irão analisar as câmeras de segurança do local para tentar identificar os criminosos.

 

Carro pega fogo e deixa mulher ferida em São Gonçalo

Mulher fica ferida após incêndio

Um carro pegou fogo na manhã deste Domingo de Páscoa, em São Gonçalo. O acidente aconteceu na Praça do Bandeirantes, no bairro Amendoeira. O Corpo de Bombeiros foi encaminhado ao local para controlar as chamas.

Uma mulher não identificada ficou ferida com queimaduras e foi socorrida pelos Bombeiros no local, mas acabou sendo encaminhada para o Hospital Estadual Alberto Torres. Ainda não se sabe o motivo do incêndio.

A reportagem aguarda mais informações sobre o caso.

Moradores do Vila Lage em São Gonçalo denunciam aumento da criminalidade no bairro e pedem ação da PM

Falta de segurança é um problema recorrente em vários bairros de São Gonçalo. No bairro Vila Lage, mesmo possuindo uma cabine da Polícia Militar, os moradores afirmam que o local tem sofrido com o aumento da criminalidade no local e pedem uma ação mais afetiva da PM.

Moradores do Conjunto Residencial Arariboia, localizado no bairro Vila Lage, constituído de mais de 60 blocos e aproximadamente 200 casas, contam que o tráfico tem feito ameaças de expulsão aos moradores que não seguirem as regras impostas pelo grupo criminoso. Apesar de ser um condomínio privado, as ruas são abertas e os blocos independentes entre si, facilitando com que os criminosos tenham livre circulação pelo local.

“Nossa situação é de completo abandono! Homens de moto aterrorizam moradores com assaltos à luz do dia, além dos traficantes que se impõe em nossas ruas. Eles picham nossos muros com suas “leis” e ameaçam de expulsão quem apagar o que escreveram. Não somos mais donos nem de nossos muros”, afirma um morador, que prefere não ser identificado.

De acordo com os moradores, as ações do tráfico começaram a se intensificar de forma mais dura há aproximadamente um ano e meio. A população afirma que a Polícia Militar não se faz presente no bairro e não realiza ações de patrulhamento e combate ao tráfico nas ruas além da via principal. Eles caracterizam a atitude como “omissão” e pedem que haja uma mudança na atuação da PM.

Em nota, a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informou que o 7ºBPM, responsável pela área de São Gonçalo, “emprega os esforços de seu efetivo tendo como principal foco o policiamento ostensivo, visando coibir a atuação de criminosos e garantir a segurança da população, a fim de evitar possíveis confrontos, e preservar vidas. As ações da corporação são programadas com base em informações compiladas pelo Setor de Inteligência e na análise estratégica da mancha criminal, segundo dados fornecidos pelos órgãos oficiais.”

A Polícia Militar também solicitou, através da nota, que a população colabore realizando denúncias através do Disque-Denúncia 2253-1177 ou, para casos urgentes, através da nossa Central 190. Segundo a PM, os registros em delegacias também são essenciais, pois colaboram com a revisão do planejamento operacional na área onde a mancha criminal é mais acentuada.

 

 

 

Fonte: osaogoncalo