Secretaria de Cultura retoma pagamentos da Lei Aldir Blanc

O Governo do Estado retomou, nesta quinta-feira (21/01), o processo de pagamento dos editais da Lei Aldir Blanc. Serão repassados cerca de R$ 25 milhões para 446 projetos que estavam com o recurso empenhado, e que não receberam no ano passado. No total, são 2,4 mil  projetos aprovados, que juntos totalizam R$ 100 milhões em investimento.

Os repasses serão feitos por lotes, e foram iniciados após esforço conjunto das secretarias estaduais de Cultura e de Fazenda. Hoje foram enviados os lotes de pagamento que somam R$ 12 milhões que estavam no restos a pagar, contemplando 171 projetos. Foram priorizados os projetos inscritos na Plataforma Desenvolve Cultura, que não tiveram tempo hábil de preenchimento de conta bancárias e envio do termo de compromisso.

– A operacionalização da lei Aldir Blanc no Estado foi possível graças ao empenho de todo governo, e a Secretaria de Fazenda foi fundamental ao colocar todo corpo técnico para priorizar a liberação do recurso emergencial. Fechamos 2020 com 80% do total já na conta dos artistas e agora nós retomamos o pagamento aos projetos contemplados com lotes que somam mais de R$ 12 milhões em investimento direto para o fazedor de cultura do Estado – afirmou Danielle Barros, secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro.

Números no estado do Rio

O Estado do Rio de Janeiro recebeu do governo federal o total de R$ 104.738.336 para aplicação da Lei Aldir Blanc. Todo recurso foi empenhado, inclusive o repasse de R$ 855 mil devolvidos pelos municípios, totalizando R$ 105.594.224,20. Os recursos foram destinados para a Renda Emergencial e nos seis editais de fomento e premiação à cultura do estado do Rio.

Do total, R$ 79.945.000 foram pagos somente para os seis editais. O valor total investido nos editais é de R$ 100.428.224,20., com projetos selecionados em 69 municípios. Já a Renda Emergencial tem investimento de R$ 5.166.000. Dessa quantia, 98% – R$ 5.067.000 – já foram pagos. Os 2% restantes tiveram o repasse efetuado hoje.

 

Fonte: rj.gov.br

Secretaria de Trabalho divulga mais de 440 oportunidades de emprego

As 444 vagas divulgadas pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine) no estado do Rio de Janeiro nesta semana estão distribuídas nas regiões Metropolitana, Baixada Litorânea, Centro-Sul Fluminense, Médio Paraíba e Serrana. A captação de vagas junto a empresas faz parte da busca da Secretaria de Estado de Trabalho e Renda (Setrab) para garantir a manutenção e a oferta do Sine à população fluminense.

A oferta das vagas é realizada pelo Sine por meio da análise de compatibilidade do perfil do profissional com o da vaga disponibilizada pelo contratante. Por isso, é importante que o cidadão interessado em uma oportunidade de emprego mantenha o seu cadastro no sistema atualizado.

Para se inscrever ou atualizar o cadastro, é necessário ir a uma unidade mais próxima do Sine, portando seus documentos de identificação civil, carteira de trabalho e comprovante de residência.

Vagas por região

Na Região Metropolitana, são oferecidas 280 oportunidades. Entre as funções, existem 120 vagas para fiscal de prevenção de perdas, 50 para operador de vendas, 20 para operador de telemarketing ativo, entre outras.

No Médio Paraíba são 15 oportunidades para profissionais que atuam como analista de redes e de comunicação de dados, auxiliar de cozinha, auxiliar de contabilidade, assistente jurídico, costureiro, entre outras.

Moradores da Região Serrana podem se candidatar a uma das 145 vagas oferecidas. Destacam-se vagas para cuidador de idosos, auxiliar de logística, motorista de caminhão, mecânico, entre outros.

Além destas, também são oferecidas duas vagas na Baixada Litorânea e outras duas no Centro-Sul Fluminense.

Cadastro

Para consultar as oportunidades e as informações sobre remuneração e exigências de cada função, o candidato deve ser cadastrado no programa Sine e realizar a consulta de maneira presencial em uma unidade da rede ou pelos seguintes canais digitais: Empregabrasil.mte.gov.br ou aplicativo Sine Fácil.

Para esclarecimentos de dúvidas, os candidatos devem entrar em contato com a central de captação pelo e-mail vagas@trabalho.rj.gov.br.

 

Fonte: rj.gov.br

Secretaria de Agricultura oferece crédito a produtores de uva

Comum na mesa dos brasileiros, especialmente nas festas de fim de ano, a uva recebe tratamento especial da Secretaria de Estado de Agricultura. Para incentivar a produção da fruta, a secretaria oferece aos produtores o programa Frutificar, um dos segmentos do Agrofundo, que disponibiliza linha de crédito com juros baixos. Anualmente, a fruta vem apresentando aumento da produção e, em 2020, foram cultivadas mais de 90 toneladas de uva.

– A cultura de uvas no nosso estado vem ganhando cada vez mais espaço na zona rural, e a Secretaria vem trabalhando para buscar novas alternativas para aumentar a rentabilidade dos produtores, por meio da disponibilização de linhas de crédito via Agrofundo, além de dar apoio técnico para garantir a excelência na qualidade do produto – ressaltou o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz.

Para Denilson Caetano, técnico responsável do programa Frutificar, as expectativas de aumento de venda nesta época do ano são altas.

– Passamos por um período delicado com a pandemia. Agora, por ser um momento festivo, há uma grande procura pelo produto com preços melhores. Vale ressaltar que, com os recursos do programa, os produtores tiveram a complementação da renda, pagaram dívidas, e alguns ampliaram e investiram em suas lavouras – afirmou.

O aumento da produção da uva e a rentabilidade que a fruta traz são comemorados por produtores. É o caso do produtor Leandro Souza Crespo, de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Ele entrou no programa Frutificar no ano passado e hoje cuida de 200 pés de uva.

– O investimento do Frutificar ajudou bastante na minha produção. Estamos na primeira colheita e com a ajuda do programa consegui obter bons retornos. Também tivemos o total apoio dos técnicos responsáveis. É muito gratificante ter esse retorno – disse.

Benefícios da uva

A uva é fonte de vitaminas A, C e K. A fruta apresenta teores significativos de fibra alimentar, que auxiliam na promoção da saciedade e no bom funcionamento do trânsito intestinal.

– Podemos destacar diversas propriedades como a capacidade antioxidante e os efeitos cardioprotetor e anti-inflamatório, presentes principalmente na casca. Além de ser rica em ácido elágico, a fruta tem um composto que é relacionado com a redução do risco de câncer no intestino e no esôfago. Também reduz o estresse oxidativo e previne doenças cardiovasculares, além de outras doenças crônicas – explicou Tatiana Novo, nutricionista da Secretaria de Agricultura.

 

Fonte: rj.gov.br

Secretaria de Educação divulga resultado da alocação da pré-matrícula

A Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) disponibilizará a partir das 8h desta quarta-feira (30/12) a listagem nominal dos alunos que foram alocados na 1ª fase de pré-matrículas. O resultado será divulgado no site Matrícula Fácil (http://www.matriculafacil.rj.gov.br) e também no portal oficial da Seeduc (http://www.rj.gov.br/secretaria/educacao).

No site Matrícula Fácil, o responsável – ou o aluno maior de 18 anos – poderá verificar o dia e o horário agendados para que compareça à escola e realize a confirmação da matrícula, no período de 4 a 14 de janeiro de 2021.

No ato da matrícula, é necessário apresentar originais e cópias dos seguintes documentos: Certidão de Nascimento ou Casamento, Carteira de Identidade ou documento que a substitua; CPF original, se possuir (será devolvido no ato); Histórico Escolar ou Declaração da última unidade escolar em que estudou, constando a série para a qual o aluno está habilitado, ficando o original na escola; Carteira de Identidade e CPF do responsável legal, no caso de menor de 18 anos, original e cópia; laudo comprobatório de deficiências declaradas (se for o caso); comprovante de residência com o mesmo endereço informado no ato da inscrição da matrícula; atestado médico específico para a prática de atividade física de alto rendimento, no caso de matrícula nas unidades escolares com Ensino Médio Vocacionado ao Esporte.

Nova oportunidade

A 2ª fase de matrículas já tem data para acontecer. Os dias 25 e 26 de janeiro de 2021 serão dedicados exclusivamente aos alunos que se inscreveram na 1ª fase de pré-matrícula e não foram alocados em nenhuma unidade escolar. A partir do dia 27 de janeiro, as oportunidades serão para aqueles que não confirmaram matrícula e para quem não se inscreveu.

Diferente da fase anterior, essa é uma etapa concorrente, em que as vagas disponíveis são as remanescentes da 1ª fase, e o candidato escolhe apenas uma escola. A alocação é feita de forma imediata, por ordem de conclusão da inscrição e de acordo com a disponibilidade de vagas.

Ouvidoria

Nesta quarta-feira (30), das 8h às 18h, os canais da Ouvidoria da Seeduc estarão abertos para tirar dúvidas sobre alocação e vagas na rede de ensino pelos telefones (21) 2380-9055 e (21) 2380-9160 ou pelo FalaBr (abre.ai/ouvidoriaseeduc).

A Ouvidoria entrará em recesso no dia 31/12 e retornará o atendimento a partir do dia 04/01.

 

Fonte: rj.gov.br