Venda de ingressos para o carnaval 2022 no Rio começa hoje

A venda de ingressos para o primeiro desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro desde o início da pandemia de covid-19 foi aberta hoje (14). Os valores variam de R$ 115 para cadeiras numeradas no setor 12 (dispersão) a R$ 500 para arquibancada numerada no setor 9 (meio do Sambódromo).

O carnaval do ano que vem será nos dias 26 (sábado), 27 (domingo), 28 de fevereiro (segunda-feira) e 1º de março (terça-feira).

Os desfiles do grupo especial estão marcados para os dias 27 (domingo) e 28 de fevereiro. Também é possível garantir vaga no desfile das campeãs, que será no dia 5 de março, sábado. Os ingressos estão sendo vendidos pela internet.

Desfiles

Os bilhetes para os desfiles de domingo valem da noite do dia 27 até a madrugada do dia 28. Nesse primeiro dia, passam pela Marquês de Sapucaí as escolas de samba Imperatriz Leopoldinense, Estação Primeira de Mangueira, Acadêmicos do Salgueiro, São Clemente, Unidos do Viradouro, Beija-Flor de Nilópolis.

Já os ingressos para a segunda-feira valem da noite do dia 28 até a madrugada do dia 1º.  Para esse dia, estão previstos os desfiles de Paraíso do Tuiuti, Portela, Mocidade Independente de Padre Miguel, Unidos da Tijuca, Acadêmicos do Grande Rio, Unidos de Vila Isabel.

 

Fonte: O São Gonçalo

Conheça o novo passo a passo para compra e venda de veículos usados

A compra e venda de carros usados tem novo processo a partir desta semana, em todo o Brasil. A resolução 809/2020, de 15 de dezembro de 2020, alterou a forma de negociação entre comprador e vendedor. Saiba como proceder.

Passo 1

O vendedor do veículo deve comparecer a uma unidade do Detran.RJ, mediante agendamento prévio, para realizar a Intenção de Venda e solicitar a Emissão da ATPV-e (Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo), que é um documento equivalente ao que chamavam comumente de DUT recibo. O vendedor deve apresentar cópia simples de RG e CPF do comprador.

Passo 2

O vendedor e o comprador do veículo devem ir a um cartório para assinar e reconhecer firmas no documento (ATPV-e).

Passo 3

Se o vendedor e o comprador fecharem negócio:

O vendedor faz a comunicação de venda e o comprador realiza o processo habitual de transferência de propriedade, mediante agendamento. É necessário apresentar o ATPV-e no dia da vistoria.

Se o vendedor e o comprador NÃO fecharem negócio:

O vendedor comparece a uma das unidades do Detran para informar que não vendeu o veículo.

Para obter o documento digitalmente:

Baixe o CRLV digital, por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (o passo a passo completo você encontra no site do Detran: http://www.detran.rj.gov.br/). Após baixar o CRVL-e, aparecerá também o número do recibo, o CRV.

Pronto! Agora você tem dois documentos em um!

ATENÇÃO!

Se você possui o CRV em papel, já emitido antes do dia 4 de janeiro, o documento continuará valendo.

Será necessário realizar esse novo processo apenas se:

–  O veículo tiver alguma alteração de característica

–  Houver mudança de estado ou município

–  Venda do automóvel

 

Fonte: rj.gov.br

Começa venda antecipada de ingressos para a Bienal do Livro do Rio

Começou  na internet a venda de ingressos para a 19ª Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, que será realizada no Riocentro, na Barra da Tijuca, zona oeste da capital fluminense, de 30 de agosto a 8 de setembro. Os ingressos custam R$ 30 a inteira e R$ 15 a meia e estão disponíveis no site da Bienal.

A organização do evento lembra que com o ingresso na mão, o visitante pode ir à Bienal em qualquer dos dez dias do evento, mas que o ingresso é válido somente para um dia.

A meia-entrada é válida para estudantes, idosos, portadores de necessidades especiais e acompanhantes, jovens de 15 a 29 anos pertencentes a famílias de baixa renda, menores de 21 anos e professores e profissionais da rede pública de ensino do Rio de Janeiro.

Gratuidade

Nos guichês específicos do Riocentro, haverá ainda gratuidade para crianças com até um metro de altura; escritores, desde que apresentem um livro de sua própria autoria; professores de escolas ou universidades das redes públicas e particulares; profissionais do livro; bibliotecários; guias turísticos. É exigido documento de identificação com foto e documentos específicos para cada caso. Os organizadores informam também que autores, bibliotecários e professores têm direito à gratuidade nos 10 dias de evento mediante cadastro prévio no site.

O maior encontro literário do Brasil oferecerá ao público nesta edição contato com escritores convidados, nacionais e internacionais, que participarão da programação dos vários espaços culturais. O país homenageado na 19ª Bienal do Rio será o Japão.

Visitação escolar

Para a visitação escolar, as inscrições das escolas públicas e particulares começam hoje (1º) no site da Bienal. Programa social do evento, a visitação escolar tem por objetivo aproximar os estudantes do mundo dos livros, visando à criação do hábito da leitura e conscientizando sobre a importância do livro na vida das pessoas. A visitação é destinada exclusivamente a alunos na faixa etária de 6 a 14 anos e seus acompanhantes, durante seis dias da feira.

A Bienal recomenda às escolas que destaquem quatro professores ou responsáveis para cada grupo de 40 alunos. Maiores informações podem ser obtidas no e-mail coordenacaoescolar.bienal@glbr.com.br.

Vendas para o Dia dos Namorados têm expectativa de alta de 1,9%

A expectativa do comércio para as vendas relacionadas ao Dia dos Namorados, comemorado no Brasil no dia 12 de junho, é de alta de 1,9%, na comparação com o ano passado. Segundo pesquisa divulgada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), este é o terceiro ano seguido de melhora nas vendas, após dois anos de recessão econômica em que a data apresentou perdas.

Em 2015, o comércio teve perda de 1,1% e em 2016 a redução nas vendas foi ainda maior, chegando a 4,9%. Em 2017 a recuperação do comércio no Dia dos Namorados foi de 2,5% e em 2018 subiu 1,5%. Segundo a CNC, a data é a sexta mais importante para o calendário varejista do país. O valor movimentado deve chegar a R$1,64 bilhão este ano.

Vestuário e acessórios

O principal segmento do comércio relacionado ao Dia dos Namorados é o de vestuário e acessórios, que tem expectativa de subir 3,1% na comparação com 2018, chegando ao valor de R$ 611 milhões, o que corresponde a 37,4% do total esperado.

Em segundo lugar ficam os hiper e supermercados, com expectativa de movimentar R$553,1 milhões, 1,8% a mais do que no ano passado. Em seguida estão os artigos de uso pessoal e doméstico, que esperam vender 2,2% a mais, com faturamento de R$243,4 milhões.

De acordo com a CNC, alguns ramos estão oferecendo os produtos com preços menores do que no mesmo período do ano passado, como o de roupas femininas (-3,0%), tênis (-2,6%), artigos de maquiagem (-2,6%) e bolsas (-2,4%). Já o serviço de excursões está 16,4% mais caros do que em 2018.

Por outro lado, a entidade ressalta que as condições de crédito para pessoa física estão piores, com a alta dos juros, o que pode ser um dificultador das vendas.

“De fato, segundo levantamento mensal do Banco Central, a taxa média de juros nas operações de crédito destinadas às pessoas físicas, que havia encerrado o ano passado no patamar mais baixo (48,9% ao ano), desde setembro de 2014 (+48,3% a.a.) vem apresentando clara tendência de alta, atingindo atualmente 53,6%. Com isso, a prestação média simulada de empréstimos e financiamentos cresceu 5,0% desde dezembro do ano passado, dificultando, portanto, a ampliação do consumo a prazo”, diz nota da CNC.