Águas do Rio anuncia abertura de 250 vagas de emprego e destaca oportunidades para pessoas com deficiência

às
FOTO PARA SITE MODELO

A Águas do Rio está com 250 vagas de emprego abertas no Rio de Janeiro, Baixada Fluminense e São Gonçalo. Entre as vagas oferecidas estão as de atendente de loja, agentes comercial e de saneamento. E uma informação relevante: não só essas, mas todas as vagas da empresa estão sempre disponíveis para pessoas com deficiência (PCD).

Com o objetivo de valorizar a diversidade entre seus profissionais, a concessionária utiliza o Banco de Talentos exclusivo para pessoas com deficiência em seu processo de contratação. Pelo endereço https://aegea.gupy.io/jobs/4095946, os interessados podem se cadastrar e concorrer a vagas atuais e futuras, de acordo com perfil e experiência.

“O Banco de Talentos PCD é uma ferramenta importante para atrair e recrutar pessoas com deficiência, que muitas vezes precisam de apoio nesse processo. Quando se investe em pluralidade conseguimos trazer talentos, enriquecer nossa perspectiva como companhia e promover novas carreiras dentro do setor de saneamento básico. Vale dizer que a empresa oferece constantes treinamentos, o que permite que aqueles que não têm experiência prévia no setor sejam capacitados”, afirma o diretor de Recursos Humanos da Águas do Rio, Rodrigo Ronzella.

Os candidatos que não se enquadram como pessoas com deficiência também podem se cadastrar gratuitamente no site da concessionária, acessando o endereço https://www.aegea.com.br/pessoas/.

Gerando oportunidades

Em quase um ano e meio de operação, a Águas do Rio gerou 8 mil empregos nas 27 cidades em que está presente, sendo 4,5 mil funcionários contratados em comunidades. Desde o início de sua atuação, a empresa prioriza a contratação de mão de obra local, visando contribuir com o desenvolvimento regional e com o bem-estar dos colaboradores.

Veja também

Ministério Público do estado, Secretaria de Polícia Civil e Delegacia de Homicídios também foram oficiados
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias