Guarda-vidas de Maricá conquistam 40 medalhas em Campeonato Brasileiro de Salvamento Aquático

Dez agentes da Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Maricá conquistaram 40 medalhas no Campeonato Brasileiro de Salvamento Aquático (Sobrasa Rescue 2023)
às
5
Foto: Divulgação

Dez agentes da Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Maricá conquistaram 40 medalhas no Campeonato Brasileiro de Salvamento Aquático (Sobrasa Rescue 2023), que foi realizado nos dias 10 e 11 de novembro, em Itapema, Santa Catarina. Ao todo, 600 guarda-vidas
participaram da competição, entre profissionais que atuam em diversas cidades brasileiras e equipes internacionais convidadas.

As disputas aconteceram na sexta-feira (10/11) em Itajaí, com provas na piscina de resgate de manequim e revezamento, e no sábado (11/11), na Praia Central de Itapema, com provas de corre-nada-corre, natação na arrebentação, salvamento com tubo de resgate, corrida na areia, revezamento no mar, pranchão de resgate e Surf-Ski.

Segundo a preparadora física Thais Xavier, dentro de um campeonato de grande porte, onde representantes de todo o Brasil competiram fortemente, o desempenho de Maricá foi muito positivo.

“Estamos todos muito felizes por essa iniciação no esporte de salvamento aquático, que é uma grande ferramenta para prevenção em afogamentos. Os guarda-vidas de Maricá representaram da melhor maneira possível, somando bastante ponto com a equipe do Rio, e os resultados fizeram com que o Rio de Janeiro fosse o 3° colocado geral no campeonato. O troféu está indo para Maricá e vai ser entregue ao secretário, a pedido do coronel Fábio Braga, que é o responsável do CBMERGE, porque ele se sentiu muito feliz pela Defesa Civil de Maricá ter somado muito nesse resultado, ou seja, esse 3º lugar foi conquistado muito pelos esforços que a gente fez e pelos atletas terem representado da melhor forma possível”, explicou.

Premiação de agentes da Defesa Civil de Maricá:

Thaís Xavier – 11 medalhas
– 6x 🥇 50m manequim (categoria e open), 100 manequim (categoria e open), 4×50 medley (open), revezamento OceanWoman (open).
– 3x 🥈 4x50m medley (categoria), 4×25 manequim (categoria), natação na arrebentação (categoria)
– 2x🥉4x25m manequim (open), resgate com o tubo de resgate (open)

Lucas Siqueira – 7 medalhas
🏆 Guarda-vidas de Ferro
– 6x 🥇 50m manequim (categoria 25-29 anos), 100m manequim (25-29 anos), 4x50m medley (120-140), corre, nada, corre (25-29 anos), natação na arrebentação (25-29 anos), resgate com tubo de resgate (25-29 anos)
– 1x🥉4x25m manequim (120-140)

Rafael Petrini – 5 medalhas
– 3x🥇 50m manequim (categoria 40-44 anos), 4x25m manequim (categoria 160-180), 4x50m medley (160-180)
– 02x 🥉100m manequim (40-44 anos), resgate com o tubo de resgate (categoria)

Hygor Barreto – 5 medalhas
– 2x 🥇 4x25m manequim (160-180), 4×50 medley (160-180).
– 3x🥉 50m manequim (categoria 30-34 anos), 100m manequim (30-34 anos), corre, nada, corre (30-34 anos)

Yuri Gomes – 5 medalhas no total
– 1x🥇 4x50m medley (categoria)
– 1x 🥈 resgate com o tubo de resgate (categoria)
– 3x 🥉 4x50m medley (120-140 anos), 4x25m manequim (até 120 anos), remada com o pranchão de resgate

Iago Viana – 3 medalhas
– 1x 🥇4x50m medley (categoria)
– 1x🥈 remada com o pranchão de resgate (categoria)
– 1x 🥉 4x25m manequim (categoria)

Clayton Lemes
– 1x🥉 4x50m medley (120-140 anos)

Vitor Duarte
– 1x 🥉 4x25m manequim (180-200)

André Costa
– 1x 🥉 4x50m medley (120 – 140 anos).

Agilson Miller
7° lugar – sprint 90m (categoria)

Veja também

Encerradas definitivamente, sistema de transferências via DOC, um dos mais tradicionais meios de pagamentos bancários por décadas.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias