Jovem é morto com tiro na cabeça em abordagem da PM em Rio Bonito

às

Um jovem de 18 anos morreu com tiro na cabeça durante uma abordagem policial na localidade de Rio Vermelho, em Rio Bonito, na noite de ontem (24). De acordo com informações obtidas pela FOLHA, durante a abordagem, a arma do policial teria disparado acidentalmente e o tiro atingiu a cabeça da vítima, que estava sentada num bar com alguns amigos. A família contesta essa versão.

Segundo informações, os policiais estariam no local para averiguar uma denúncia sobre o tráfico de drogas na região. Uma fonte ouvida pela nossa reportagem afirmou que o disparo aconteceu logo após o PM descer da viatura. O tiro acertou a cabeça do jovem, que morreu na hora.

O caso foi registrado na 119ªDP (Rio Bonito). Após prestar esclarecimentos ao delegado, o policial foi liberado e deverá responder por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar. A arma foi apreendida e será periciada nos próximos dias.

Família não acredita em tiro acidental

Nas redes sociais, familiares do jovem contestam a versão apresentada pela polícia. A irmã da vítima fez um desabafo no Facebook. “Agora vem com esse papo de sem querer? A tá! Matou meu irmão. Levou um pedaço de mim, meu único irmão de pai e mãe. Não vem com historinha não. Queremos justiça. Meu irmãozinho não tinha nada a ver com o movimento, só estava no lugar errado, na hora errada”, disparou.

Nossa reportagem tenta contato com a Polícia Militar para maiores esclarecimentos sobre o ocorrido. O espaço está aberto para a manifestação da PM.

Veja também

O Governo do Estado concluiu o primeiro trecho das obras de reurbanização da Avenida 22 de Maio, em Itaboraí
às
A população de Casimiro de Abreu demonstrou grande solidariedade às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul
às
Uma nova frente fria deve se estabelecer no Brasil neste final de semana. Essa mudança na temperatura irá provocar o aumento
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias