Lona na Lua renova parceria com Amperj e InterTV para o projeto ‘Eu no Mundo’

às

O primeiro projeto audiovisual do Lona na Lua, o “Eu no Mundo”, vai ganhar mais alguns capítulos em 2019. O diretor do Lona, Zeca Novais, renovou para este ano a parceria com a Associação do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, a Amperj, e com a InterTV, afiliada da Rede Globo na Região dos Lagos, que colaboraram com a realização do projeto em 2018. Novos episódios já estão sendo gravados e a previsão é que a segunda temporada do projeto seja lançada no final de janeiro.

Em seu primeiro ano, o “Eu no Mundo” alcançou três milhões de espectadores. O projeto contou com dez episódios exibidos durante as programações do canal, abordando temáticas de cidadania como inclusão, responsabilidade social, cuidados com o meio ambiente, entre outras. Os vídeos, de cerca de um minuto, foram protagonizados por Zezinho, personagem de 12 anos interpretado pelo ator riobonitense Pedro Fernando. Além da Amperj e da InterTV, o projeto também contou com a direção de Wanderson Chan.

O ator Pedro Fernando, intérprete do Zezinho, protagonista do Eu no Mundo (Foto: Divulgação)

De acordo com o diretor do Lona, Zeca Novais, roteirista do Eu no Mundo, a renovação da parceria para a realização do projeto foi decidida de forma natural pelos envolvidos. Ele falou ainda sobre o alcance da iniciativa, uma novidade para a equipe. “É a primeira obra audiovisual do Lona na Lua. É o tipo de projeto em que a gente sente a reação das pessoas de forma instantânea. O Eu no Mundo tem a linguagem do Lona, tem o nosso jeitinho de fazer arte”, diz. “Recebemos muitas palavras de carinho do público. Uma coisa que nos chamou muito atenção foi o quanto a campanha mexe com o público infantil. As crianças se identificam com o Zezinho e sua turma. Isso é muito bonito”, comemora.

Zeca também falou sobre a parceria feita com a Amperj e a InterTV, e adiantou algumas novidades que serão apresentadas ao público do Eu no Mundo em 2019. “Tanto a Amperj quando a InterTV confiam muito em nosso trabalho. Esperamos poder continuar retribuindo essa confiança. Para esta segunda temporada, já estão previstos episódios sobre respeito a liberdade religiosa, briga de torcidas de futebol, violência doméstica, entre outros temas Esperamos poder levar uma mensagem de consciência de forma leve ao público”, conta o artista, que aproveitou para agradecer ao apoio recebido na realização do projeto. “Sou um homem de muita sorte. Tenho uma equipe incrível ao meu lado, que trabalha muito pra que tudo aconteça”, reconheceu.

O ator Pedro Fernando, que protagonizou a produção, comemorou a renovação do Eu no Mundo. “Pra mim, a renovação do projeto é uma coisa muito legal, porque são mais lições para passar. Foi uma experiência inesquecível e muito legal”, celebra o ator. “Com esse projeto, nós passamos a ideia das pessoas se conscientizarem e falarem ‘poxa, estou fazendo errado, preciso mudar’, e isso é muito bom. Esse projeto é muito importante pra mim, porque ele traz esperança. Muita gente acha que, porque é do interior, então não vai ter boas oportunidades, mas não é assim”, afirma.

Bastidores das gravações dos episódios do projeto (Foto: Divulgação)

Luciano Mattos, então presidente da Amperj, foi quem deu início ao Eu no Mundo em 2018. Ele falou sobre o alcance do projeto e a importância do trabalho realizado. “Para nós da Amperj, o projeto foi extremamente bem-sucedido. De uma forma diferente conseguimos nos aproximar da população falando um pouco de cidadania, que é a essência do trabalho do Ministério Público, isso foi muito importante”, conta. “Nossa expectativa é que ele continue alcançando essa finalidade em 2019, com outras ideias, mas sempre buscando o tema cidadania, fazendo uma difusão da arte, deixando mensagens de cidadania e divulgando um pouco do trabalho do Ministério Público”, opina o hoje ex-presidente da Amperj, que afirmou também que o novo presidente da instituição, Ertulei Laureano Matos, concordou em prosseguir apoiando o projeto em seu segundo ano.

O diretor de comunicação da InterTV, Kleber Santos, ressaltou o retorno positivo que o Eu no Mundo teve ao longo de sua exibição, falando também sobre o processo de produção. “Para a InterTV, foi uma honra exibir os episódios do Eu no Mundo. A repercussão, com o feedback positivo dos telespectadores, foi a prova de que o projeto foi um sucesso em 2018”, afirma. “Por meses, discutimos uma forma de abordar os temas. Estava difícil encontrar uma fórmula que fosse agradável ao público sem ser pedante, mas a proposta do Lona na Lua com a Amperj casou perfeitamente com o que queríamos. A linguagem usada e com crianças como atores principais nos deu a possibilidade de tocar nesses temas de uma maneira que fosse atraente para o público”, conta o comunicador.

Lançamento do Eu no Mundo em 2018, ao vivo, no RJ InterTV 1ª Edição (Foto: Bruna Rodrigues)

Kleber também falou sobre as expectativas para o projeto neste ano e a sua contribuição para a sociedade. “Para 2019, esperamos aperfeiçoar ainda mais a linguagem, tornando a abordagem mais atraente. O Eu no Mundo deve apresentar novidades, como novos personagens. Assim esperamos manter viva a discussão da cidadania, fazendo o telespectador questionar o papel dele na sociedade. Futuramente, vamos ter adultos mais cidadãos, capazes de trabalhar uma sociedade mais humana, mais solidária e mais consciente de suas responsabilidades”, finaliza.

Quem deseja ver ou rever os vídeos do Eu no Mundo pode acessar o Instagram @eunomundovideos, ou ainda o site do Lona na Lua.

Veja também

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, abriu nesta segunda-feira (04/03) o segundo polo de atendimentos à dengue
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias