Onda de canudos reutilizáveis motiva casal de Niterói a confeccionar modelo de bambu

às

A onda sustentável de canudos reutilizáveis, intensificada no ano passado após lei municipal no Rio determinar o fim do uso dos canudos de plástico em bares e restaurantes , em Niterói tramita um projeto de lei nos mesmos moldes , motivou um casal de empresários niteroienses a confeccionar, de forma artesanal, canudos de bambu. Lançada para o público em novembro, a peça fez tanto sucesso que a dupla já está em busca de mais pessoal para trabalhar na produção.

Aline Ramos conta que a ideia surgiu em maio passado porque seu marido Daniel Drummond trabalhava com outros produtos feitos de bambu. Eles já tinham uma loja virtual de produtos de beleza e limpeza naturais, a É Coisa Bio; e a aceitação foi boa.

“Já vendemos mais de 1.500 unidades. O canudo pode durar bastante porque tem um bactericida natural”, conta, lembrando que o bambu se degrada no meio ambiente em três anos.

Antes dos canudos de bambu, outros niteroienses já estavam produzindo e comercializando peças reutilizáveis. É o caso da ativista ambiental Priscilla Saldanha, que criou o canudo de aço inoxidável reciclado com uma amiga paulista, e do projeto de proteção às tartarugas Aruanã, que vende o kit de canudos inox.

Fonte: Jornal O Globo

Veja também

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, abriu nesta segunda-feira (04/03) o segundo polo de atendimentos à dengue
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias