Menina de 11 anos é baleada em Itaboraí após família entrar em comunidade por engano

às

Uma menina de 11 anos foi baleada na noite de ontem (3) em Itaboraí, após seu pai, o motorista do veículo em que ela estava, entrar na comunidade do Rato Molhado por engano. A menina foi atingida nas costas por um dos disparos, que saiu pelo abdômen, e foi levada para o Hospital Municipal Leal Júnior, também em Itaboraí. A criança não corre risco.

Segundo informações dadas à polícia, ao entrar na comunidade, criminosos armados cercaram o carro e não deram chance para o motorista se explicar, abrindo fogo contra o veículo, onde estava também com a esposa, mãe da vítima. O carro chegou a ficar com marcas de bala. Uma cápsula calibre 40 foi encontrada dentro do automóvel.

O tiro que feriu a menina entrou pela tampa do porta-malas e perfurou o banco antes de atingir a criança. De acordo com a família, nenhum órgão vital foi atingido pelo disparo. A vítima foi transferida para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, em São Gonçalo, e está lúcida.

O caso vai ser investigado pela 71ª DP de Itaboraí.

Veja também

O governo federal apresentou nesta quarta-feira (24) o programa Voa Brasil, que deverá proporcionar passagens aéreas de até R$ 200
às
Segundo o Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), seis municípios no estado do Rio
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias