Prefeito de Rio Bonito reduz em 30% o número de secretarias com objetivo de conter gastos

às

O prefeito de Rio Bonito, José Luiz Mandiocão, oficializou no fim do mês passado a nova estrutura administrativa do governo. Ao todo, seis pastas foram extintas, reduzindo de 20 para 14 o número de secretarias. Com a medida, o prefeito acredita que conseguirá melhores índices de eficiência e eficácia no funcionamento da administração pública, além de uma significativa economia para os cofres da prefeitura.

Foram extintas as pastas de ‘Gestão’, “Anti-Drogas’, ‘Projetos Especiais’, ‘Turismo’, ‘Desenvolvimento Econômico’ e ‘Trabalho’. Vale ressaltar que boa parte dessas secretarias foi criada na gestão passada pela então prefeita Solange Almeida. Elas foram incorporadas a outras, como por exemplo, a Secretaria de Agricultura, que absorverá as atribuições do Desenvolvimento Econômico e do Trabalho. Já o Turismo, agora divide espaço com a Secretaria de Cultura.

De acordo com a nova estrutura administrativa, a Secretaria de Saúde também será responsável pelo trabalho que era desenvolvido pela Anti-Drogas. O mesmo acontecerá com a Secretaria de Obras, que passa a responder pelos ‘Projetos Especiais’. A antiga pasta de Gestão agora passa a se chamar Secretaria Municipal de Segurança e Ordem Pública e o setor de Gestão passa para a Secretaria de Planejamento.

Com essas mudanças, alguns membros do staff de confiança do prefeito acabaram perdendo espaço na atual gestão, como é o caso de Nazaré Cristina Abrahão, que respondia pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico até o fim do ano passado. Sem pasta, Nazaré foi nomeada no último dia 18 como assessora de coordenação (DAS-1). Já Vitor Ivo Gomes, que comandava a pasta de Projetos Especiais, foi remanejado de volta para o cargo de assessor especial, que tem status e remuneração equivalente ao cargo de secretário.

Por outro lado, quem está de volta ao governo é o contador André Luis Alvares, o popular Pijama. Ele, que ocupou por mais de um ano o cargo de chefe de Gabinete, volta como Ouvidor Geral da prefeitura. Pijama foi um dos coordenadores de campanha do prefeito Mandiocão e aguardava uma nova oportunidade desde sua exoneração há cerca de seis meses.

Agricultura tem novo comando

Quem acabou deixando o governo nos últimos dias foi ex-secretário de Agricultura, Ricardo Nascimento. Sem muitos recursos, Ricardo não conseguiu tirar do papel a maioria dos seus projetos, como, por exemplo, o Mercado do Produtor Rural e o Serviço de Inspeção Municipal. Para o lugar dele, o prefeito nomeou Daniele Rodrigues, que, inclusive, já acompanhou Mandiocão na cerimônia de posse do novo secretário estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, Eduardo Lopes, realizada na semana passada no auditório da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói.

A nova secretária falou sobre os projetos que pretende desenvolver a frente da pasta. “Pretendemos focar na agricultura familiar e no escoamento da produção agrícola de Rio Bonito. Além de buscar ampliar a participação dos produtores rurais no fornecimento da merenda escolar. Vamos atuar em conjunto e buscar parcerias para alavancar a agricultura e o desenvolvimento econômico da cidade”, disse a secretária, entusiasmada.

Na cerimônia de apresentação da nova secretária, o prefeito José Luiz Mandiocão ressaltou a necessidade urgente de avançar em políticas públicas de desenvolvimento econômico. “Estamos com muita esperança de que a situação do país melhore, e possibilidades de termos apoio dos governos estadual e federal para a agricultura e pecuária. O país pode produzir mais e movimentar a economia para sair da situação precária que vivemos hoje. Em Rio Bonito estamos com boas perspectivas para realizar um trabalho que renda frutos para o futuro. Ano passado fizemos a Festa do Agronegócio e já foi um resultado bastante positivo, despertou nas pessoas a vontade de investir, de trocar ideias e trocar serviços. Nossa vocação precisa de incentivo, pois a vocação nós já temos. Somos ricos em terra fértil e em água para produzir”, declarou o prefeito.

Equipe

O atual secretariado conta com: Valéria Romanelli (Gabinete), Renato Poubel (Fazenda e Finanças), Luciana Magalhães (Desenvolvimento Urbano e Habitação), Carmem Motta (Cultura e Turismo), Thiago Vieira (Esporte e Lazer), Márcio Aurélio Soares (Segurança e Ordem Pública), Wanderlúbia Antunes (Educação), Daniele Rodrigues (Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico), Ronaldo Elias (Planejamento, Coordenação Geral e Gestão), Alba Valéria Teixeira (Comunicação Social), Sérgio Leite (Administração), Rita de Cassia (Saúde), Eleilton Figueiredo (Obras e Serviços Públicos), Lilian Antunes (Promoção Social). Quem assumiu a pasta de Meio Ambiente foi Edna Martha Martins Marinho. Formada em Educação Física e em Direito, a nova secretária possui pós-graduação em Gestão e Auditoria Ambiental e é mestre em Ciência Ambiental pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

Veja também

Rio Bonito sedia a emocionante Taça Brasil de Ciclismo, que acontece entre os dias 14 e 16 de junho de 2024
às
A Prefeitura de Maricá segue com inscrições abertas para o Programa Corujinhas, que recebe alunos de 1 a 10 anos
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias