Rio Bonito tem novo secretário de Saúde; ex-secretária continua no governo

às
1

Depois de um ano e dois meses como secretária de Saúde de Rio Bonito, Cíntia Machado deixa o posto e no lugar dela assume Rodrigo Salazar. Rodrigo já fazia parte do governo como assessor especial, cargo que a partir de agora pertence a Cíntia. Em entrevista à Folha, a ex-secretária revelou que a exoneração foi um pedido seu. As mudanças foram publicadas no Diário Oficial da Prefeitura nesta quinta-feira (6).

 

 

Cíntia justificou seu pedido de exoneração como uma forma de oxigenar a pasta. “Em conversa com o prefeito (Leandro Peixe) eu solicitei a minha exoneração porque novos ciclos vão surgindo e a Secretaria de Saúde precisa dessa oxigenação, precisa estar em constante movimento, sem deixar que os projetos caiam por água abaixo”.

Ela revelou que haverá um processo de transição de cargo. “A saúde do município vem avançando a passos largos e é por isso que em conversa com o prefeito eu vou participar do processo de transição para que os projetos que estavam em andamento, que tenham certeza que serão dados continuidade com o pastor Rodrigo, mas com uma nova cara, com um novo olhar. Acho que a gente precisa disso mesmo, de novas ideias. Isso (o processo de transição) nunca teve em gestão alguma, o que só corrobora com nosso espírito de equipe, que permanece sempre em prol da saúde do município”.

O espírito de equipe também foi mencionado pelo novo secretário, em entrevista à Folha. “Somos um grupo unido no interesse de melhorar a vida da população de Rio Bonito e eu estou à disposição do prefeito para qualquer tarefa que cumpra esse propósito”. Ele ainda completou falando de Cíntia e do processo de transição. “A ex-secretária é uma pessoa fantástica, madura e já se prontificou a fazer essa transição porque o trabalho da saúde não pode esperar”.

Ao ser perguntado sobre os desafios da área, Rodrigo disse que “a saúde é uma pasta de demandas enormes porque envolvem vidas no momento mais delicado delas, portanto, o desafio continua sendo alcançar o maior número de pessoas no menor tempo possível”.

Ao ser perguntado sobre mudanças na Secretaria, o novo secretário disse que poucas mudanças devem ser feitas e que o foco principal é acabar com as filas para cirurgias e exames.

“Na equipe acredito que serão poucas as mudanças, porque temos um quadro de colaboradores qualificado, na área da execução de trabalho, cada pessoa tem um perfil, o que posso adiantar é que realizaremos ações e programas, somados ao que já existem, para tirar o cidadão da fila da cirurgia e dos exames, que é um problema do Brasil inteiro”, finalizou Rodrigo.

 

 

 

Lívia Louzada

Veja também

Dois homens foram presos em flagrante na madrugada desta segunda-feira (17) por porte ilegal de armas, munições
às
Uma pré-candidata a vereadora de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e seu filho foram assassinados na noite deste sábado
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias