Ultramaratonista de Rio Bonito participará de competição mundial na Itália

às

A espera foi longa, mas agora falta pouco para a riobonitense Drica Rosa participar do Mundial das 100 milhas na Itália, o One Hundred Gran Sasso 2022. Na prova, a ultramaratonista e corredora de montanha vai encarar cerca de 160 km de corrida com altimetria de mais de 5 mil de ganho de elevação, ou seja, o percurso é aproximadamente 10 vezes mais inclinado do que a rampa de asa delta de Rio Bonito, na Serra do Sambê. A competição acontecerá entre os dias 21 e 23 de outubro na cidade de Gran Sasso, na Itália.

Drica se classificou para essa competição em 2020, quando foi a campeã e recordista do FKT Rio One Hundred Caminho do Imperador, em Barra Mansa. Na época, a competição mundial na Itália aconteceria no ano seguinte, em 2021, mas por conta da pandemia, foi adiado para 2022.

Superação

Felizmente, esse atraso na realização da prova foi muito importante para Drica, que lesionou o tendão em 2021 e teve que passar por uma operação. Cerca de um ano e quatro meses depois de ouvir dos médicos que não voltaria mais a competir, a ultramaratonista está de malas prontas para a Itália. “Estou quase 100%, mas estou feliz por estar voltando para meu esporte. Deus é maravilhoso”, celebra a atleta.

A passagem e o alojamento para competir, a ultramaratonista ganhou como um dos prêmios da classificação para a prova, mas a alimentação, roupas e itens para competir, ela precisa custear. Por esse motivo, está fazendo uma vaquinha virtual para ajudar nas despesas.

“Nessa época, lá, será inverno e não tenho roupas apropriadas para competir, então se alguém puder ajudar, será ótimo. Toda ajuda é bem-vinda. Essa é a primeira prova minha internacional, se não tivesse ganhado a prova aqui do Brasil, nunca teria conseguido a oportunidade de correr na Itália. Essa competição é mais do que especial para mim”, diz Drica.

Quem quiser ajudar, o link da vaquinha virtual é esse: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/me-ajude-a-ir-ao-mundial-de-100-milhas-da-one-hundred

Para entrar em contato com a atleta e ajudar de outra forma, basta ligar para o telefone 21 21 98757-0331 e falar com ela.

Paixão

A corredora de montanhas se apaixonou pelo esporte no projeto Treinão, que acontece em Rio Bonito. Ela conta que começou a correr para ganhar qualidade de vida, já que pesava cerca de 100kg. “Comecei a praticar porque estava acima do peso, então decidi buscar qualidade de vida e comecei a correr. Iniciei com a galera do Treinão e comecei a correr com as outras pessoas, e só aí percebi que corria bem. Meu início foi nas corridas de pista, mas quando conheci a de montanha, me apaixonei. A montanha tem um desafio maior”, relata a corredora que na primeira competição que participou, em 2018, ficou em 12º lugar geral e em 1º na sua categoria.

A atleta de 48 anos diz que assim como foi incentivada pelos amigos que fez no esporte, também incentiva as pessoas.  “As pessoas me incentivaram, e hoje incentivo outras para terem uma qualidade de vida melhor, a sair do sofá e a fazer uma caminhada”.

 

 

 

Lívia Louzada

Veja também

As companhias aéreas Azul e Gol anunciaram, nesta quinta-feira (23), acordo de cooperação comercial que vai conectar as suas malhas aéreas
às
Cerca de 200 ciclistas deverão participar do GP das Montanhas de ciclismo que acontece neste domingo, dia 26 de maio
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias