Brasil empata com a Jamaica e se despede da Copa do Mundo, a última de Marta

às
site

A Seleção Brasileira está eliminada da Copa do Mundo Feminina de 2023. Com o empate sem gols desta quarta-feira (2), contra a Jamaica, em Melbourne, a equipe de Pia Sundhage se despede do Mundial ainda na fase de grupos, o que não acontecia desde 1995.

O 0 a 0 com as jamaicanas marca a despedida de Marta das Copas. A camisa 10, que foi titular no duelo diante das jamaicanas e deixou o campo na etapa final, dá adeus ao torneio como a maior artilheira da história dos Mundiais (de homens e mulheres) com 17 gols, mas sem nenhum título.

O mais perto que a Rainha do Futebol chegou de uma conquista foi em 2007, quando o Brasil ficou com o vice-campeonato contra a Alemanha. Ao todo, ela disputou seis Copas e só não marcou gols na atual edição.

Com o empate, a Jamaica garantiu o segundo lugar do grupo F com 5 pontos, um a mais que o Brasil, e se classificou às oitavas de final. A França, que venceu o Panamá por 6 a 3 no outro jogo do grupo, passa na primeira colocação, com 7.

A Seleção Brasileira foi superior às jamaicanas durante toda a partida, mas não conseguiu transformar essa superioridade em gols.

Diante de uma adversária com postura bastante defensiva, as comandadas de Pia cercaram a área da goleira Spencer. Contudo, os equívocos na tomada de decisão no momento de concluir as jogadas custaram caro.

Em três confrontos contra a Jamaica na história, este foi o primeiro em que o Brasil não conseguiu marcar.

Crédito: cnnbrasil.com

Veja também

Light afirma que teve que fazer uma parada emergencial por causa de um defeito na rede subterrânea.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias