Carioca começa neste sábado; confira a preparação das equipes do interior

às

O Campeonato Carioca, mais uma vez iniciado no fim de dezembro – com a disputa da Primeira Fase, valendo vaga para a disputa na elite -, começa com a presença dos grandes neste sábado. No Grupo B, Fluminense e Vasco têm a companhia de Americano, Madureira, Portuguesa-RJ e Volta Redonda. No Grupo C, Botafogo e Flamengo disputam contra Bangu, Boavista, Cabofriense e Resende.

Fluminense e Vasco estreiam no sábado, Flamengo e Botafogo, no domingo. O gigante da colina, que agora conta com o meio-campista Bruno Cesar, encara o Madureira em Conselheiro Galvão, às 17h. Já o tricolor, que está prestes a anunciar a contratação do também meio-campista Ganso, enfrenta a Volta Redonda, às 19h, no Maracanã. No domingo, o rubro-negro, de Arrascaeta e Gabigol, terá pela frente a equipe do Bangu. O jogo acontece no Maracanã, às 17h. O Botafogo joga contra a Cabofriense no Moarcyzão, às 19h.

Times de interior se reforçam para a disputa

Boa Vista

Considerado a quinta maior força do Rio de Janeiro em termos de investimento, o Boavista aposta mais uma vez em nomes conhecidos do futebol brasileiro, como o zagueiro Rafael Marques, ex-Botafogo, Atlético-MG e Vasco, além dos meia Tartá, ex-Fluminense, e Carlos Alberto, rodado por vários clubes. Finalista da Taça Guanabara em 2018, o clube terá Eduardo Allax no comando pelo segundo ano seguido. A grande aposta fica por conta do volante Ralph, emprestado pelo Atlético-MG.

Cabofriense

A Cabofriense vai apostar em nomes não tão conhecidos desta vez, ao contrário dos anos anteriores, quando entrou na competição com Leandro Euzébio, Leandro Bochecha e Cláudio Pitbull. Para o estadual, terá o retorno do atacante Abner, grande promessa do clube, mas que rompeu os ligamentos do joelho em 2019. O técnico é Luciano Quadros, que fez um bom trabalho pelo Sampaio Corrêa-RJ na última segundona.

Volta Redonda

Após período de treinamentos em Vassouras, interior do Rio de Janeiro, o Volta Redonda chega para o Carioca como uma das principais forças entre os chamados pequenos do estado. Toninho Andrade comanda a melhor equipe do Rio de Janeiro entre as divisões inferiores do Brasileirão, que aparece sem figurões. O destaque do time é o meio-campista riobonitense, Marcelo Oliveira, que volta a vestir a camisa do Volta Redonda após um curto período atuando pelo CRB de Alagoas.

Resende

O Resende aparece no Campeonato Carioca com uma marca importante: a equipe fez a melhor campanha na história da Seletiva do estadual. A força, contudo, apareceu muito do banco de reservas, responsável por grande parte dos gols na campanha até a elite. Alexandro Créu, ex-jogador do Botafogo, é cara mais conhecida do grupo.

Americano

Campeão da Segundona de 2018, o Americano volta a disputar a elite do futebol do Rio de Janeiro, o que não acontecia desde 2012. A equipe é comandada por Josué Teixeira, que assumiu no ano passado. Na Seletiva, o time ficou na segunda colocação, atrás apenas do Resende. O clube segue apostando na base de 2018, apesar das perdas dos artilheiros Cláudio Maradona e Maikon Aquino.

Veja também

Criminosos desviaram R$ 640 mil da conta das vítimas para laranjas. Quadrilha aplicou golpe do empréstimo consignado em pelo menos 17 pessoas.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias