Presidente Bolsonaro, o Ministro da Defesa e comandantes das Forças Armadas debatem situação na fronteira com a Venezuela

às

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu hoje (25) com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e quatro comandantes das Forças Armadas. A crise na fronteira se iniciou após uma série de conflitos que se surgiram em reação à tentativa de ajuda humanitária enviada pelo Governo Federal, com suprimentos de medicamentos e comida. A reunião ocorreu no Palácio do Planalto.

Estiveram presentes o almirante da Marinha Ilques Barbosa Júnior, o general do Exército Edson Leal Pujol, o tenente-brigadeiro da Aeronáutica Antonio Carlos Moretti Bermudez e o almirante interino Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas Cláudio Portugal de Viveiros, para debater a situação vivenciada na fronteira do Brasil com o país. Segundo o​ chefe de Logística e Mobilização do Exército, general Laerte de Souza Santos, o Brasil vai continuar enviando ajuda para a Venezuela.

O vice-presidente Hamilton Mourão e o ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, estão em Bogotá, capital da Colômbia, onde participam do encontro do Grupo de Lima, composto por países da América do Sul que buscam soluções para a crise na vizinha Venezuela.

Veja também

Uma motocicleta foi parar em cima de um poste, em meio à fiação elétrica, na madrugada desta segunda-feira
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias