Policiais militares reagem em assalto a ônibus e matam assaltante em Araruama, na Região dos Lagos

Um homem morreu após tentar roubar um ônibus da empresa 1001, em Araruama, na Região dos Lagos, na madrugada desta sexta-feira (15). Segundo a PM, três policiais militares à paisana que estavam dentro do coletivo reagiram ao assalto.

De acordo com testemunhas, dois criminosos tentaram assaltar os passageiros, mas um morreu e outro conseguiu fugir para uma área de mata.

Ainda segundo a polícia, o assalto aconteceu por volta das 4h, na altura do bairro XV de Novembro, na RJ-116. Os policias dentro do ônibus estavam seguindo para o trabalho, mas a polícia não informou em qual batalhão eles estão lotados.

A Polícia Civil realizou uma perícia no local. A ocorrência foi encaminhada para a 118ª DP (Araruama). A PM não informou se o criminoso morto tinha antecedentes criminais.

A Auto Viação 1001 emitiu uma nota sobre o caso. Veja na íntegra:

“A Auto Viação 1001 informa que na madrugada dessa sexta-feira um de seus ônibus, que fazia linha Araruama x Rio de Janeiro, sofreu uma tentativa de assalto. Havia policiais dentro do veículo, que reagiram ao ocorrido. Um dos suspeitos foi morto e o outro foragiu. O motorista e os 19 passageiros passam bem e seguiram viagem em outro veículo da empresa. A Auto Viação 1001 lamenta o ocorrido, reitera o seu compromisso com a segurança e está à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos.”

Crédito: www.osaogoncalo.com.br

Prefeitura de Araruama lança projeto para a distribuição de absorventes íntimos às alunas de escolas municipais

A Prefeita Livia de Chiquinho assinou, o decreto 161 , que instituiu o projeto “Integridade Íntima”.

A finalidade é fazer a distribuição gratuita de absorventes íntimos a aproximadamente 4.500 alunas das escolas da Rede Municipal de Ensino.

A medida é necessária tendo em vista que inúmeras meninas em idade escolar faltam às aulas no período menstrual em decorrência da falta de recursos financeiros para a compra de itens de higiene íntima.Assim, o município consegue levar dignidade as alunas e diminuir a evasão escolar que traz inúmeros prejuízos ao rendimento escolar.

 

Fonte: O São Gonçalo

Militar reformado da Marinha foi preso em Araruama suspeito de tentar matar a própria esposa

Um militar reformado da Marinha foi preso na tarde da última terça-feira (5) em Araruama, na Região dos Lagos do Rio, suspeito de tentar matar a própria esposa.

De acordo com a polícia, o caso foi descoberto após a vítima de 44 anos ir até a 118ª DP em Araruama, informando que teria sido vítima de disparo de arma de fogo momentos antes, no interior da residência localizada no Balneário de Praia Seca.

Ainda segundo a polícia, o militar atirou, mas estava bêbado e não acertou a mulher.

Policiais civis e uma equipe do Grupo de Ações Táticas Especiais (GAT) da PM foram até o local e lá foram recebidos pelo suspeito, que estava com uma pistola 9 milímetros ainda em punho, segundo os agentes.

Ainda segundo a Polícia Civil, o sub oficial reformado do Corpo de Fuzileiros Navais resistiu às tratativas da equipe de conduzi-lo para a delegacia e chegou a ressaltar que só sairia de casa se fosse escoltado por agentes da Marinha do Brasil.

Após negociação, no entanto, os policiais conseguiram levá-lo até a 118ª DP, onde ele foi autuado em flagrante pelos crimes de feminicídio tentado e resistência qualificada.

Com o militar reformado foram apreendidas duas armas de fogo, sendo uma pistola calibre 9mm e um revólver calibre 38, três carregadores e 110 munições calibres 9 mm e 38.

De acordo com a Polícia Civil, ele será encaminhado ao Primeiro Distrito Naval da Capital, onde aguardará por audiência de custódia preso.

Homem é preso em Araruama acusado de violência doméstica

Um homem acusado de violência doméstica foi preso, por policiais civis da 118ª DP (Araruama). De acordo com agentes, ele teria agredido, ofendido e ameaçado a ex-companheira, com quem tem duas filhas.

Após tomar conhecimento do fato, os policiais realizaram diligências e localizaram o autor. Ele também é acusado de integrar o tráfico de drogas no bairro Mutirão, em Araruama, na Região dos Lagos, e possui condenações criminais por roubo e tráfico.

O agressor encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

 

Fonte: O São Gonçalo

Alunos de escolas ecológicas aprendem a cuidar da natureza e cultivar alimentos orgânicos em Araruama

Os alunos de escolas municipais em Araruama, estão aprendendo na prática como cuidar da natureza e como cultivar alimentos orgânicos para o consumo.

As atividades são desenvolvidas em cinco escolas 100% ecológicas do município e outras unidades pelo projeto “Horta nas Escolas”. Cerca de 2.100 alunos são atendidos pelo projeto, que é promovido em conjunto pelas secretarias municipais de Educação e Ambiente de Araruama.

As crianças aprendem em sala de aula sobre os conceitos de sustentabilidade e depois colocam todo aprendizado em prática nos canteiros de hortaliças, feitos nas escolas.

Os alunos colocam literalmente as mãozinhas na terra e, sob a supervisão de professores, eles ajudam a plantar, irrigar e auxiliam também na hora da colheita.

As crianças aprendem em sala de aula sobre os conceitos de sustentabilidade e depois colocam todo aprendizado em prática nos canteiros de hortaliças, feitos nas escolas.

Os alunos colocam literalmente as mãozinhas na terra e, sob a supervisão de professores, eles ajudam a plantar, irrigar e auxiliam também na hora da colheita.

As cinco Escolas 100% Ecológicas do município são Escola Municipal Menino Robson Júnior; Praça Escola Municipal Marcos Heron, Escola Municipal Fábio Siqueira; Escola Municipal Prefeito Afranio Valladares e Escola Municipal Altevir Vieira Pinto Barreto.

Nas hortas, as crianças cultivam alface, couve, rúcula, chicória, berinjela, coentro, salsa e outros alimentos. Todo o plantio é orgânico, ou seja, sem o uso de agrotóxicos. Essa é mais uma lição para os alunos que já aprendem também sobre os riscos desses agentes químicos.

As hortaliças orgânicas são usadas para incrementar a merenda das crianças nas escolas. Elas aprendem o valor de ajudar a produzir o próprio alimento e ainda contribuem para um meio ambiente mais sustentável.

Fonte: g1.globo.com