Homem apanha em bar após agredir ex que eu fim ao namoro um dia antes

Goiânia – O homem que aparece em vídeo agredindo a ex-namorada e, em seguida, levando uma surra em um bar de Santa Helena de Goiás, no sudoeste goiano, havia terminado o namoro apenas um dia antes.

A vítima informou sobre o término em depoimento à polícia nessa quarta-feira (13/10). As câmeras do bar onde a mulher estava sentada numa mesa com amigos registraram a agressão.

O homem chega, aproxima-se dela, conversa por alguns segundo e, depois, agride a mulher, com murros no rosto. Ela chega a cair no chão. Um amigo dela interviu e o empurrou para o lado de fora do bar, e o agrediu de volta com chutes e pontapés. Depois, ele é agredido por um grupo de homens.

Relacionamento tumultuado

O casal namorou por oito meses e o relacionamento sempre foi conturbado. Segundo a polícia, o homem maltratava a mulher com frequência, com xingamentos e palavras depreciativas. No entanto, até então, ele não tinha partido para a agressão.

Fonte: Metrópoles

Homem agride funcionaria de escola em Maricá

Recente pesquisa feita pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) apontou que casos de violência contra a mulher aumentaram 20% no país, durante a pandemia da Covid-19. Em um cenário como este, nem mesmo estar no local de trabalho é garantia total de segurança. Foi o que aconteceu, nessa quarta-feira (29), em uma escola de Maricá, no Rio de Janeiro.

Uma funcionária da Escola Municipal Professor Darcy Ribeiro, localizada no distrito de Inoã, foi agredida pelo ex-marido, dentro da instituição de ensino, durante a tarde daquele dia. Guardas Municipais da cidade foram acionados e mobilizaram uma equipe ao local, a fim de conter o agressor.

No entanto, logo que percebeu a chegada dos agentes, o homem conseguiu fugir. A vítima foi amparada pela equipe de segurança. Até o momento, não há informações sobre que razões teriam motivado o ataque. A identidade da mulher foi preservada por motivos de segurança. Ainda não se sabe como o acusado conseguiu invadir a instituição de ensino.

De acordo com informações iniciais, o homem não trabalha no local. O paradeiro dele ainda é desconhecido. A reportagem de A TRIBUNA questionou à Prefeitura de Maricá se houve falha em procedimentos de segurança para que o agressor conseguisse invadir a escola. Até o fechamento deste texto, não havia sido enviada resposta. A vítima não quis prestar queixa na delegacia.

 

Fonte: ATribuna

Homem de 56 anos afirma ter sido obrigado a tirar parte da roupa em supermercado de Limeira (SP)

Um homem de 56 anos denunciou ter sido obrigado a tirar parte da roupa em um supermercado atacadista de Limeira (SP) e registrou, neste sábado (7), um boletim de ocorrência por constrangimento ilegal na Polícia Civil.

Segundo o registro policial, o homem negro foi abordado por dois seguranças que suspeitaram que o cliente havia furtado produtos da loja na tarde de sexta-feira (6), e teve que se despir na frente das outras pessoas que estavam no local.

O caso foi na rede atacadista Assaí, que fica no Centro da cidade. A rede atacadista Assaí informou, em nota, que como decisão imediata, ainda no final de semana, foi aberto um processo interno de apuração, realizado o afastamento do empregado responsável pela abordagem e, nessa segunda-feira (9), formalizada sua demissão. A rede disse, ainda, que não adota e nem orienta abordagens constrangedoras a clientes.

A esposa do homem disse que o marido tinha ido ao supermercado para pesquisar preços e acabou optando por não comprar nada. Na saída, foi abordado pelos funcionários do local, que o teriam feito tirar a blusa de frio e a calça para provar que não havia levado produtos sem pagar.

Após o ocorrido, o homem ficou nervoso, começou a chorar e precisou ser acalmado pelos próprios funcionários em um canto da loja, onde várias pessoas criticaram a atitude dos seguranças

 

 

Fonte: g1.globo.com

Homem é preso em Araruama por posse ilegal de um revolver calibre 38

Um homem foi preso pela posse ilegal de um revólver calibre 38 e 5 munições no último domingo (23), no bairro Santana, em Araruama. A prisão do suspeito foi feita por agentes da Polícia Militar.

Segundo informações, os policiais estavam patrulhando a região quando viram um casal em uma moto. Ao ver os agentes, o motociclista acelerou e tentou fugir dos agentes. O casal tentou também jogar fora a arma que possuíam.

Os policiais, no entanto, conseguiram alcançar a dupla. A arma foi encontrada com o homem, que foi levado para  118ª DP (Araruama), onde foi autuado e detido.

 

Fonte: osaogoncalo.com.br

Homem morre após troca de tiros com a Polícia Militar em São Gonçalo

Um homem morreu após trocar tiros com a Polícia Militar, na tarde deste domingo (23), em Monjolos, São Gonçalo. Com ele, a polícia apreendeu uma submetralhadora.

De acordo com informações da PM, militares do 7°BPM (São Gonçalo) estavam em patrulhamento pela rua principal do bairro quando se depararam com dois homens, em uma motocicleta.

O suspeito que estava na garupa carregava uma submetralhadora e iniciou um confronto com os policiais. Ele foi baleado, mas o comparsa conseguiu fugir.

O homem ferido ainda foi levado para o Hospital Estadual Alberto Torres,  no Colubandê, onde chegou a entrar em cirurgia. Mas não resistiu e morreu no procedimento.

A arma foi apreendida e o caso foi registrado na 73°DP (Neves).

 

Fonte: osaogoncalo.com.br