Baleia morta é encontrada na Praia de Camboinhas, em Niterói, neste fim de semana

Uma baleia morta apareceu na orla da Praia de Camboinhas, na Região Oceânica de Niterói, e chamou atenção dos banhistas na tarde deste sábado (2).

O animal aparenta ser da espécie Jubarte e possui 15 metros, segundo profissionais Guarda- Vidas da praia. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada ao local às 14h54, com intuito de isolar a área onde a baleia pode chegar.

Profissionais do Laboratório de Mamíferos Aquáticos e Bioindicadores da UERJ (Maqua) também estiveram na praia, com intuito de analisar o material genético do mamífero para entender a causa da morte.

Segundo a prefeitura de Niterói, a Companhia Municipal de Limpeza Urbana de Niterói (Clin) foi encarregada de remover a baleia da praia em apoio à operação de biólogos e veterinários da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), que estavam presentes no local.

Para concluir a retirada, a empresa aguarda o corpo do animal encalhar na areia, movimento que já aconteceu na tarde deste sábado, mas logo depois retornou ao mar.

 

Crédito: https://www.osaogoncalo.com.br/

Segunda baleia é encontrada morta na orla de Maricá em pouco mais de 24h

Com pouco mais de 24h de diferença, duas baleias foram encontradas mortas na orla de Maricá. A primeira foi achada na noite de terça-feira (22), na Praia de Itaipuaçu, por moradores que passavam pelo local. Já a segunda, foi encontrada na manhã de ontem, quinta-feira (24) na Praia de Ponta Negra, e faz parte da espécie jubarte.

Segundo os especialistas, a baleia encontrada nesta quinta-feira (24), era um filhote de aproximadamente 8m de comprimento, e foi retirada da areia da praia com o auxílio de uma retroescavadeira da autarquia de Serviços e Obras de Maricá.

Antes da remoção, uma equipe do Laboratório de Mamíferos Aquáticos e Bioindicadores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Maqua/UERJ) realizou uma necrópsia no corpo do animal para determinar a causa da morte. A possibilidade mais provável é que tenha havido inanição, após o filhote se afastar da mãe. O animal foi levado ao Centro de Tratamento de Resíduos do Anaia, em São Gonçalo.

 

 

 

Fonte: Jornal A Tribuna

 

Hoje: Homem morre após cair de uma pedra na praia de Cabo Frio

Um homem morreu nesta quinta-feira (6) ao cair de pedra na Praia das Conchas, no bairro Peró, em Cabo Frio.

Segundo informações, populares acharam o corpo nesta manhã, próximo à Cabana do Pescador. O homem já estava morto.

Agentes da Postura foram acionados e estão no local. Não se sabe se a vítima escorregou e caiu ou se jogou. Não foi possível precisar a hora do incidente.

O corpo ainda não foi identificado e será encaminhado para o IML de Macaé.

Arraial do Cabo mantém turismo suspenso e praias fechadas

A Prefeitura de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos, publicou um decreto neste sábado (3) que prorroga até 11 de abril as medidas de restrição para enfrentamento à Covid-19. As praias seguem fechadas, e as atividades turísticas continuam suspensas. As medidas são as mesmas válidas para a pausa emergencial decretada no Estado do Rio 26 de março e 4 de abril.

Com a prorrogação das medidas, permanece proibido o acesso às praias e lagoas. Também seguem suspenso os passeios de barcos, táxis marítimos, buggies, jardineiras, quadriciclos, mergulhos e acesso de turistas.

A barreira sanitária na RJ-140, próxima à Prainha, continuará funcionando. O decreto mantém, ainda, o cancelamento de emissões de QR Code por meios de hospedagem, turismo náutico, restaurantes, aluguel de casas e outros serviços turísticos.

A cidade tem 14 leitos de enfermaria exclusivos para Covid-19 ocupados, e nenhum disponível, de acordo com o boletim divulgado neste sábado pela Prefeitura. O município não tem leitos de UTI.

Segundo a Prefeitura, o decreto segue as orientações do Ministério Público do Rio de Janeiro para que os municípios adotem medidas restritivas ao coronavírus, que têm o objetivo de evitar a propagação da doença.

O município informou que o decreto leva em consideração, ainda, o Boletim Extraordinário do Observatório Covid-19, da Fiocruz/Ministério da Saúde, emitido em 30 de março de 2021, que monitora os índices de incidência de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Fonte: g1.globo.com

Combate a vetores realiza ações na Reserva do Peró, em Cabo Frio

Equipes da Prefeitura de Cabo Frio realizaram nesta quarta-feira (24) vistoria em diversos pontos do bairro Reserva do Peró. A pedido da Associação de Moradores, os agentes de combate a vetores colocaram iscas para roedores, e também aplicaram larvicida biológico para controle de mosquitos.

“As ações preventivas são realizadas para evitar doenças que vetores como mosquitos e ratos podem transmitir. Para isso é importante que a população também contribua não descartando lixo em locais impróprios ou deixando recipientes que possam acumular água parada, se transformando em reservatório para larvas de mosquitos”, orientou Alcides Cunha, responsável pelo setor de Combate a Vetores.

Os bairros Jacaré, Jardim Esperança e outros do Grande Jardim também receberam a visita de uma equipe, que atuou no controle das larvas de mosquitos. Ainda nesta semana, os agentes monitoraram o Forte São Mateus para controle de marimbondos.

Nos cemitérios Santa Izabel, no Centro, e Jardim dos Eucaliptos, no Jardim Esperança, as equipes realizaram o controle de insetos rasteiros e voadores. No bairro Vila do Sol, o trabalho foi com aplicação de larvicida biológico para controle de larvas de mosquitos.