Prefeitura do rio confirma que Réveillon vai acontecer sem restrições com 75% da população total e 90% dos adultos com esquema vacinal completo

A Prefeitura do Rio afirma que se a cidade atingir a taxa de 75% da população total e 90% dos adultos imunizados com o esquema vacinal completo, o Réveillon vai acontecer sem restrições. A realização do Carnaval também está condicionada à essas taxas.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, o cenário atual da capital fluminense é favorável à realização do evento de virada do ano. Segundo ele, o Rio registra a menor taxa de transmissão desde o início da pandemia: 0,69%.

A informação foi divulgada nesta quinta-feira (21), dia em que a cidade voltou a aplicar a dose de reforço em mulheres com 67 anos ou mais. As pessoas com 68 anos ou mais também podem receber a terceira dose, assim como as pessoas imunodeprimidas com 12 anos ou mais, e os profissionais da saúde que tomaram a segunda dose até o dia 31 de março.

Durante a agenda, Soranz afirmou que a cidade tem doses suficientes para aplicação da terceira dose até esta sexta-feira (26), o que pode paralisar novamente a campanha da aplicação da dose de reforço. A expectativa é a de que o Ministério da Saúde entregue uma nova remessa até a sexta-feira (22).

Daniel Soranz também falou sobre a retirada da obrigatoriedade do uso de máscara em locais abertos. Ele disse que a Secretaria Municipal de Saúde mantém a meta de 65% da população total vacinada com o esquema vacinal completo para liberar o uso do equipamento em locais abertos. A pasta acredita que a taxa seja atingida na próxima semana.

 

Crédito: https://bandnewsfmrio.com.br/

Polícia Civil do Rio prende traficante italiano procurado pela Interpol em Copacabana

Um traficante italiano é preso em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Ele é acusado de fazer parte de uma quadrilha de tráfico internacional de drogas.

De acordo com a Polícia Civil, havia um mandato de prisão preventiva pendente contra Luiggi Ferrara, de 52 anos. Segundo as investigações, ele era responsável pelo tráfico de entorpecentes de países da América do Sul para a Europa, em especial, a França.

O criminoso era procurado pela Interpol. A quadrilha também é investigada por lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.

 

Crédito: bandnewsfmrio.com.br/

Prefeitura do Rio autoriza capacidade máxima em cinemas, teatros, shoppings e museus

A Prefeitura do Rio libera 100% de ocupação da capacidade máxima em espaços como cinemas, teatros, shoppings e museus, sem necessidade de distanciamento de um metro entre uma pessoa e outra.

O uso de máscara obrigatório está mantido.

Estádios de futebol ainda não estão inclusos no decreto. A Secretaria Municipal de Saúde prevê liberar a capacidade máxima nesses espaços quando 65% de toda a população da capital fluminense estiver com o esquema vacinal completo. Máscaras em ambientes abertos também vão deixar de ser obrigatórias.

 

Crédito: https://bandnewsfmrio.com.br/

Prefeito do Rio, Eduardo Paes, chama Light de “empresa vagabunda”

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, chama a Light de “empresa vagabunda” na Internet, um dia após a concessionária de energia elétrica divulgar que 66 unidades do município tiveram a luz cortada por falta de pagamento.

A publicação foi feita nesta sexta-feira (15), em uma rede social do próprio prefeito. Na postagem, Eduardo Paes afirma que a Light “aliviava a barra do governo anterior”, e que agora a empresa quer receber os valores das dívidas deixadas por Marcelo Crivella na base da chantagem.

Nesta quinta-feira (14), a Light afirmou que o fornecimento foi suspenso apenas em instalações cadastradas como serviços não essenciais. O corte de luz não afetou unidades de saúde, segundo a empresa. O Parque Olímpico da Barra da Tijuca, na Zona Oeste; o Centro de Referência de Assistência Social, em Coelho Neto, na Zona Norte, e a Nave do Conhecimento da Penha, na mesma região, foram alguns dos locais que tiveram a luz cortada.

Em nota, a Light afirma que a dívida total da Prefeitura do Rio com a concessionária é de mais de R$ 261 milhões. Deste montante, R$ 68 milhões são referentes a este ano. No comunicado, a Light diz que fez diversas tentativas de acordo para regularizar os débitos e notificou previamente o Município com aviso de corte, como determina a legislação.

Procurada, a Secretaria Municipal de Fazenda afirma que as contas da Light do ano de 2021 estão em dia, com exceção de algumas da saúde. A pasta diz ainda que as dívidas que resultaram no desligamento da energia elétrica nas 66 unidades municipais foram deixadas pela gestão anterior, e que serão quitadas em um parcelamento anual.

 

 

Crédito: bandnewsfmrio.com.br

Venda de ingressos para o carnaval 2022 no Rio começa hoje

A venda de ingressos para o primeiro desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro desde o início da pandemia de covid-19 foi aberta hoje (14). Os valores variam de R$ 115 para cadeiras numeradas no setor 12 (dispersão) a R$ 500 para arquibancada numerada no setor 9 (meio do Sambódromo).

O carnaval do ano que vem será nos dias 26 (sábado), 27 (domingo), 28 de fevereiro (segunda-feira) e 1º de março (terça-feira).

Os desfiles do grupo especial estão marcados para os dias 27 (domingo) e 28 de fevereiro. Também é possível garantir vaga no desfile das campeãs, que será no dia 5 de março, sábado. Os ingressos estão sendo vendidos pela internet.

Desfiles

Os bilhetes para os desfiles de domingo valem da noite do dia 27 até a madrugada do dia 28. Nesse primeiro dia, passam pela Marquês de Sapucaí as escolas de samba Imperatriz Leopoldinense, Estação Primeira de Mangueira, Acadêmicos do Salgueiro, São Clemente, Unidos do Viradouro, Beija-Flor de Nilópolis.

Já os ingressos para a segunda-feira valem da noite do dia 28 até a madrugada do dia 1º.  Para esse dia, estão previstos os desfiles de Paraíso do Tuiuti, Portela, Mocidade Independente de Padre Miguel, Unidos da Tijuca, Acadêmicos do Grande Rio, Unidos de Vila Isabel.

 

Fonte: O São Gonçalo