Ficha limpa? Roberto Jefferson, Daniel Silveira, Eduardo Cunha, Wilson Witzel e outros, são pré-candidatos nessas eleições

Conhecidos personagens da política nacional estão decididos a concorrer nas eleições deste ano, embora tenham pendências na Justiça capazes de torná-los inelegíveis. Na lista de pretensos candidatos nessa condição estão o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, que tem o plano de disputar o Palácio do Planalto; o deputado Daniel Silveira (PTB-RJ), que mira o Senado; o ex-deputado Eduardo Cunha (PTB-RJ), postulante à Câmara; e os ex-governadores José Roberto Arruda (DF), declarado pré-candidato a deputado, Wilson Witzel (RJ), que sonha voltar ao posto, e Anthony Garotinho (RJ), na briga por uma vaga de deputado.

Condenados por diferentes acusações, esses políticos têm em comum o fato de que seus processos já foram julgados por órgãos colegiados, o que lhes impõe punições previstas pela Ficha Limpa, ou foram cassados por seus pares, o que também redunda em inelegibilidade. Contudo, eles recorreram contra suas sentenças e, em alguns casos, conseguiram decisões provisórias que lhes permitiram voltar ao páreo.

Crédito: O Globo

Procuradoria-Geral da República defende que prisão de Roberto Jefferson seja convertida em domiciliar

A Procuradoria-Geral da República defende que a prisão preventiva do ex-deputado Roberto Jefferson seja convertida em domiciliar. Em parecer enviado ao Supremo Tribunal Federal, a subprocuradora-geral da República, Lindôra Araújo, argumentou que o político não oferece risco à sociedade.

De acordo com a magistrada, caso o presidente do PTB volte a atentar contra poderes e instituições como o Supremo Tribunal Federal, novas medidas podem ser tomadas. A subprocuradora também cita o quadro de saúde do político.

Preso em agosto por atos antidemocráticos na Internet, Roberto Jefferson está internado em um hospital na Zona Oeste do Rio para o tratamento de uma infecção nos rins, após determinação do ministro do STF Alexandre de Moraes.

 

Crédito: bandnewsfmrio.com.br