Pelo menos oito corpos são recolhidos no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo

Equipes das Polícias Militar e Civil, e do Corpo de Bombeiros, atuam no Complexo do Salgueiro, onde pelo menos oito corpos foram encontrados em uma área de mangue. O conjunto de favelas fica em São Gonçalo, segundo município mais populoso do estado.

A ação será realizada para a remoção dos mortos, e realização do trabalho de perícia. Moradores afirmam que os corpos começam a ser retirados nesta manhã. Publicações feitas na internet, desde ontem à noite, falam sobre mais de 20 mortos na mata, após uma operação do Batalhão de Operações Policiais Especiais, neste domingo (21). A corporação não confirma se os mortos foram atingidos durante a ação.

Até o início da manhã, a PM só confirmava um suspeito morto, que teria entrado em confronto com militares do Bope. Com esse caso, chega a 9 o número de mortos confirmados na ação. Os policiais apreenderam duas pistolas, munição, um uniforme camuflado, e drogas.

A operação de ontem foi realizada após a morte do Sargento Leandro da Silva, atacado à tiros durante patrulhamento, no sábado.

A PM afirma que realizou a ação após receber a informação de que um dos envolvidos estava baleado dentro do complexo.

Em nota, a Defensoria Público do Rio afirma que acionou o Ministério Público Estadual para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Uma idosa de 71 anos foi atingida por uma bala perdida durante a operação.

Carmelita Francisca de Oliveira foi socorrida por vizinhos para o Hospital Estadual Alberto Torres, na mesma região, e já recebeu alta.

 

 

Crédito: bandnewsfmrio.com.br

Após troca de tiros com a Polícia Militar, homem morre no Salgueiro

Uma ação policial para monitoramento de barricadas teve troca de tiros entre PMs e criminosos e terminou com a morte de um suspeito, na manhã desta quinta-feira (7), na região conhecida como Balança, no interior do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. Outro acusado ficou ferido durante o confronto.

A ação foi coordenada por um Grupamento de Ações Táticas (GAT) e uma equipe do Serviço Reservado (P2) do 7º BPM (São Gonçalo). Segundo informações do batalhão, durante a ação para identificar obstruções em vias públicas, a dupla atacou os agentes a tiros. Os militares revidaram e houve confronto.

Ainda de acordo com os agentes, durante a troca de tiros os dois foram baleados. Um dos suspeitos, que não foi identificado, acabou morrendo no local. O comparsa dele, que também ficou ferido, foi identificado. Ele tem 23 anos e foi socorrido ao Hospital Estadual Alberto Torres (HEAT), no Colubandê. O estado de saúde não foi divulgado.

Os policiais afirmaram que os dois acusados estavam armados com uma pistola e um revólver. Além disso, drogas ainda a serem contabilizadas foram encontradas com a dupla. Todo o material foi apreendido. A ocorrência foi registrada pela 73ª DP (Neves). O corpo do suspeito morto será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade, onde irá aguardar pelo reconhecimento de familiares.

Crédito: atribunarj.com.br

Em São Gonçalo, PM faz operação no Complexo do Salgueiro

Policiais do 7º BPM (São Gonçalo) fazem, na manhã desta terça-feira (29), uma operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo para tentar localizar traficantes que atuam na região.

Até o momento, dois suspeitos foram baleados e um homem identificado como Bruxo, morreu após confronto com agentes do Grupamento de Ações Táticas (GAT). Com eles, a polícia apreendeu um fuzil calibre 556, duas pistolas e dois veículos roubados.

Na ação, que conta com apoio do  12º BPM ( Niterói) e do 4º CPA, estão sendo usados veículos blindados e uma retroescavadeira para retirada de barricadas.

Os feridos foram levados ao Hospital Estadual Alberto Torres (HEAT). O estado de saúde ainda não foi informado.

Ocorrência segue em andamento.

 

Fonte: osaogoncalo

São Gonçalo: Policiais realizam operação no Complexo do Salgueiro

Policiais do Comando de Operações Especiais (COE), em conjunto com o Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e o Batalhão de Ações com Cães (BAC) estão realizando uma operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, nesta manhã de quinta-feira, 4 de Março.

O objetivo dos agentes, que estão utilizando veículos blindados, armamentos e uma aeronave na ação, é coibir o tráfico no local.

Até o momento, não há informações sobre feridos ou detidos.

Os moradores do Complexo do Salgueiro estão compartilhando áudios de tiros em seus Whatsapps e imagens de helicópteros da polícia sobrevoando a região. Nas redes sociais, gonçalenses comemoram a ação. “Protejam as famílias de bem neste lugar… (sic)”, escreveu um internauta. Já outro afirmou: “Senhor guarda os inocentes (sic)”, falou um segundo. Já outros, criticaram a ação policial: “Triste é vc ter sua casa revirada por aqueles que tinham que proteger vc (sic)”, uma quarta internauta ainda responde: “até minha cama eles quebraram revirando minha casa (sic)”.

 

 

 

Fonte: osaogoncalo.com.br

Salgueiro e Portela cancelam eventos por causa do aumento dos casos de Covid no Rio

Devido ao aumento do número de casos de Covid-19 e da consequente carência de leitos de enfermaria e UTI no Rio, as escolas de samba Acadêmicos do Salgueiro e Portela decidiram cancelar suas atividades. A Feijoada da Família Portelense, programada para este sábado (5), será mantida somente no serviço de delivery ou retirada na quadra.

Para quem tinha comprado ingresso antecipado para a Feijoada da Família Portelense, a escola informa que existem duas opções. Pegar o dinheiro de volta, através do site Ingresso Certo ou guardar tíquete e usá-lo quando o evento for realizado, em condições sanitárias mais seguras.

A presidência do Salgueiro, por precaução decidiu suspender toda e qualquer atividade programada para este mês. E ainda não tem uma nova data para os eventos.

A escola tijucana informa que ingressos adquiridos online para os eventos, como Roda do Sal, PDA, Feijoada do Salgueiro e Ensaio Show, terão seu valor estornado integralmente.

“O momento é de precaução máxima e empenho no combate a esta doença que assola a população mundial estando nossa escola, portanto, imbuída deste espírito de preservação das vidas do nosso público e de nossos colaboradores”, disse o presidente da agremiação, André Vaz, em comunicado.

A presidência da Portela disse que a decisão de cancelar a feijoada deste sábado foi tomada com base nas recomendações do comitê científico da prefeitura, que sugeriu a volta das medidas restritivas para conter o coronavírus.

Caso alguém tenha interesse em encomendar a feijoada pelo sistema delivery, basta acessar o site . O “combo” também poderá ser retirado na quadra (opção drive thru).

No comunicado divulgado nesta sexta-feira (4), o presidente Luiz Carlos Magalhães diz que a Portela vai seguir as orentações dos especialistas de saúde.

“A Portela considera que o mais importante, nesse momento, é a preservação da saúde de todos os cariocas e fluminenses, por isso continuará seguindo as orientações dos especialistas de saúde e das autoridades competentes”.