Campanha de Vacinação Antirrábica começa no dia 1º de agosto

Começa no dia 1° de agosto a campanha de vacinação animal contra a raiva. Cães e gatos devem ser vacinados para evitar a doença. A vacinação, que acontece em vários pontos fixos e volantes de vacinação espalhados por diversos bairros do município (veja quadro abaixo), será realizada até o dia 28 de outubro. Devem ser vacinados cães e gatos com mais de 3 meses de idade e fêmeas gestantes ou que estejam amamentando. O objetivo da campanha é controlar a circulação do vírus da raiva canina e felina, prevenindo a raiva humana. O Dia D de vacinação acontece em 24 de setembro.

A raiva é uma doença dos mamíferos (inclusive os homens), portanto classificada como uma zoonose. É causada por vírus, sendo mortal em 100% dos casos, tanto para os homens, quanto para os animais, pois não existe tratamento curativo. No Brasil, embora esta doença esteja aparentemente controlada, a Raiva Humana ainda faz vítimas, e a vacina é a única maneira de prevenir a doença. A contaminação ocorre quando o homem é mordido ou simplesmente entra em contato com a saliva de cães e gatos doentes.

Os Primeiros Cuidados – Pessoas mordidas, arranhadas ou feridas por cães e gatos devem lavar bem o local atingido com água e sabão. A vítima deve ser encaminhada para o serviço de saúde e o animal deve ser observado por 10 dias, em local isolado. Qualquer mudança no seu comportamento deve ser informada às autoridades de saúde, para que sejam tomadas as medidas necessárias.

Sábado é o Dia D de vacinação contra a gripe, sarampo e Covid-19

A secretaria de Saúde promove o Dia D de Vacinação contra a Influenza (Gripe), Covid-19 e Sarampo neste sábado, dia 4 de junho, em várias unidades de saúde do município, das 8 às 16 horas. A campanha da gripe tem como público-alvo todos os grupos prioritários, como os idosos com 60 anos ou mais, profissionais da saúde e crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos,11 meses e 29 dias).  O principal objetivo é reduzir a mortalidade, as complicações e as internações decorrentes das infecções pelo vírus da gripe (influenza). Já na campanha de vacinação contra o sarampo, o público-alvo são os profissionais da saúde com qualquer idade e crianças de 6 meses a menores de 4 anos.

Esse dia de vacinação contra a Covid-19 será destinada a todos os grupos prioritários, seguindo os seguintes critérios:

  • Primeira dose (D1) – pessoas de 5 anos em diante;
  • Segunda dose (D2) – pessoas de 5 anos em diante;
  • Terceira dose (D3) – pessoas de 12 anos em diante;
  • Quarta dose (D4) – pessoas de 60 anos em diante.

O Dia D é uma excelente oportunidade para aqueles que ainda não conseguiram ir a um posto de saúde. O intuito é atualizar as doses que ainda estejam atrasadas, além de proteger esse público contra a doença, considerando o risco diante da maior exposição nos serviços de saúde. A gripe não é uma doença grave, mas entre os grupos prioritários pode se agravar e a vacina têm o objetivo de evitar que isso aconteça. As doses aplicadas imunizam contra os três subtipos de gripe que mais circulam no inverno: A/H1N1, A/H3N2 e Influenza B. Durante a campanha contra o sarampo, será aplica uma dose da vacina tríplice viral (dose D), independentemente da situação vacinal delas contra o sarampo.

Confira a relação de locais de vacinação

  • ESF do Parque Andrea
  • ESF de Nova Cidade
  • ESF da Praça Cruzeiro
  • ESF da Bela Vista
  • ESF do Rio do Ouro
  • ESF do Basílio
  • ESF da Jacuba
  • ESF do Boqueirão
  • ESF do Parque Indiano
  • Centro Pediátrico Doutor Almir Branco
  • Clínica da Família

Deputado Federal Chiquinho Brazão UNIÃO/RJ apresenta projeto de vacinação gratuita para cães e gatos.

Ter um animalzinho de estimação, traz muita alegria para os donos, principalmente quando estão saudáveis e felizes, por isso é muito importante garantir que eles estejam com todas as vacinas em dia.

A vacinação dos animais é uma questão de saúde pública. Foi apresentado na câmara federal, o projeto de lei 3029/2021, de autoria do Deputado Federal Chiquinho Brazão UNIÃO/RJ, para que as vacinas polivalentes v8 para cães e v4 para gatos sejam aplicadas gratuitamente.

Segundo a organização mundial da saúde estima-se que só no brasil, existam mais de 30 milhões de animais abandonados. Junto com os abandonos, vem as doenças, não apenas dos animais, mas também as que são transmitidas para as pessoas.

A vacinação em cães e gatos, assim como nos humanos, possuem dois objetivos:  proteger o animal de estimação contra doenças infecciosas, e protegê-los contra os agentes circulantes dessas doenças.

Entender que a vacinação dos animais domésticos é tão importante para os pets quanto para os humanos é o primeiro passo para uma vida segura e saudável.

Mas, segundo o deputado, muitos tutores não têm condições financeiras de pagar as vacinas, e justamente por isso a necessidade de investir na prevenção através da vacinação.  “Não podemos negar o impacto financeiro para as famílias de baixa renda que procuram atendimento clínico para seus animais. Eles, assim como nós, precisam de cuidados, e por conta desses gastos, muitos são abandonados, principalmente quando estão doentes. Nosso compromisso é com a saúde, e investir em vacinas, é investir em saúde pública”, conclui o deputado.

Maricá tem domingo de vacinação infantil contra a Covid-19

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, realiza no domingo (1°/05) o dia D de vacinação infantil contra a Covid-19 na Praça Orlando de Barros Pimentel, no Centro, das 9h às 12h, oferecendo a primeira e a segunda dose dos imunizantes pediátricos. A iniciativa visa ampliar a adesão à vacina pela faixa etária de 5 a 11 anos e acontece em meio às comemorações do Dia do Trabalhador e da Trabalhadora, que contará com diversas atividades e serviços gratuitos no local.

“Aproveitamos que será um dia com várias atrações para adultos e crianças, com brinquedos, música ao vivo, show de mágica e mímica, para incentivar ainda mais vacinação contra a Covid-19. Além disso, é uma ótima oportunidade aos pais e responsáveis que não podem ir durante a semana até uma unidade de saúde”, destacou a subsecretária da Rede de Atenção Ambulatorial e Saúde Coletiva, Claudia Rogeria de Lima.

Cerca de 76% do público estimado já foi vacinado

Maricá já aplicou a primeira dose contra a Covid-19 em mais de 11.700 crianças, até o último balanço divulgado pela Secretaria de Saúde no dia 25/04. O número corresponde a cerca de 76% do público estimado para a faixa etária vacinável. Que receberam a segunda dose pediátrica da vacina já somam 5.344 crianças.

O município segue em repescagem permanente de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, aplicando a primeira e a segunda dose infantil, com intervalo de 28 dias para CoronaVac e oito semanas para Pfizer pediátrica, em quatro Unidades de Saúde da Família (USF): Central, Inoã II, Barroco e Bambuí. Para a vacinação, é exigido que o responsável legal leve a caderneta de vacinação, além de um documento de identidade ou certidão de nascimento da criança.

Polos de vacinação infantil:

De segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.

USF Central – Rua Clímaco Pereira, 241, Centro.
USF Inoã II – Rodovia Amaral Peixoto, km 14, s/n, (ao lado do DPO).
USF Barroco – Rua Getúlio Vargas (antiga Rua 2), lote 13, quadra 4, casa 2, Itaipuaçu.
USF Bambuí – Av. do Contorno, s/n.

30 de abril – Dia D de vacinação contra a gripe e o sarampo

Neste sábado, 30 de abril, Rio Bonito promove o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe e o Sarampo, que acontece de forma simultânea em várias unidades de saúde do município, das 8 às 16 horas. O público-alvo da vacinação contra a gripe são os idosos com 60 anos ou mais, profissionais da saúde e crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos,11 meses e 29 dias).  Já a vacinação contra o sarampo é destinada aos profissionais da saúde e crianças de 6 meses a menores de 5 anos.

O Dia D é uma excelente oportunidade para aqueles que ainda não conseguiram ir a um posto de saúde. O intuito é atualizar as doses que ainda estejam atrasadas, além de proteger esse público contra a doença, considerando o risco diante da maior exposição nos serviços de saúde. A gripe não é uma doença grave, mas entre os grupos prioritários pode se agravar e a vacina têm o objetivo de evitar que isso aconteça. As doses aplicadas imunizam contra os três subtipos de gripe que mais circulam no inverno: A/H1N1, A/H3N2 e Influenza B. Durante a campanha contra o sarampo, será aplica uma dose da vacina tríplice viral (dose D), independentemente da situação vacinal delas contra o sarampo.

Quem deve ser vacinado no dia 30 de abril:

  • Vacina Gripe: idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde e crianças de seis meses a menores de cinco anos.
  • Vacina Sarampo: trabalhadores da saúde e crianças de seis meses a menores de cinco anos.

Confira os locais de vacinação:

  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Parque Andrea
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família de Boa Esperança
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família de Nova Cidade
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Boqueirão
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Rio Vermelho
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Rio do Ouro
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Mangueira
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Sambê
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Jacuba
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Bela Vista
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Serra
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Basílio
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Parque Indiano
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Praça Cruzeiro
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Cajueiro
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do Ipê
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família do BNH
  • Unidade de Estratégia de Saúde da Família da Viçosa
  • Centro Pediátrico Almir Branco
  • Clínica da Família