Mais de 27 mil animais foram vacinados na Campanha Antirrábica

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, imunizou 27.607 cães e gatos durante a Campanha de Vacinação Antirrábica Animal, que foi realizada em 50 polos
às
mk 2
Foto: Clarildo Menezes

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, imunizou 27.607 cães e gatos durante a Campanha de Vacinação Antirrábica Animal, que foi realizada em 50 polos presentes em toda a cidade. Na primeira etapa, que ocorreu no dia 21/10 (sábado), 15.890 pets receberam a dose de proteção contra a raiva em 33 locais distribuídos pelos distritos Centro e Ponta Negra. Já no último sábado (28), foram vacinados 11.717 animais em 17 polos presentes nos distritos Inoã e Itaipuaçu.

Esse resultado marca a conclusão de uma mobilização de sucesso. Lembrando que a campanha de vacinação antirrábica foi direcionada a animais saudáveis com idade a partir de três meses, que não apresentassem estado gestacional. Além disso, apenas pessoas maiores de 18 anos puderam conduzir os pets para se vacinar.

Para Micheli Ferreira, coordenadora da Vigilância em Saúde de Maricá, a ação foi efetiva nos quatro distritos da cidade, contribuindo para fortalecer a proteção dos pets e promover qualidade de vida.

“Estamos muito satisfeitos com os resultados da Campanha de Vacinação Antirrábica, onde pudemos aplicar a dose de proteção contra a raiva em mais de 27 mil pets. Esse número mostra que a população se conscientizou e se uniu a essa luta. A raiva é uma doença letal e, com a vacina, podemos oferecer uma vida plena aos animais”, destacou.

Campanha mobilizou os moradores de Itaipuaçu

No sábado (28), a população que mora em Itaipuaçu compareceu aos polos para vacinar os pets. Rafael Batista, de 30 anos, garantiu que a ação foi uma oportunidade fundamental de prevenção da raiva.

“Sou morador do Jardim Atlântico Central, em Itaipuaçu, e achei muito importante a vacinação do meu cão contra a raiva. Com o ato de vacinar, protegemos os nossos animais contra essa doença e evitamos também que eles contaminem outros com o vírus que causa a raiva”, afirmou.

Também moradora do loteamento Jardim Atlântico, Poliana Nunes aprovou a campanha e reforçou o seu papel para a proteção dos animais.

“Trouxe inicialmente dois gatinhos para se vacinarem e, depois, fui buscar mais dois para receberem a dose contra a raiva. É essencial protegermos nossos pets e cuidarmos deles com todo cuidado, por isso ter a oportunidade de vaciná-los contra a raiva gratuitamente é uma ótima ajuda. Incentivo todos a vacinarem os seus bichinhos”, concluiu.

Vacinação é sinônimo de proteção à doença

A raiva é uma doença grave, que se caracteriza como uma zoonose, já que pode ser transmitida pela saliva de animais infectados para o ser humano. O vírus responsável por causar a raiva é mortal, afetando o sistema nervoso central, o que pode levar ao óbito rapidamente. A imunização dos cães e gatos anualmente contra a doença é a forma mais efetiva de prevenir a raiva, evitando precocemente a infecção.

Veja também

Rio Bonito sedia a emocionante Taça Brasil de Ciclismo, que acontece entre os dias 14 e 16 de junho de 2024
às
A Prefeitura de Maricá segue com inscrições abertas para o Programa Corujinhas, que recebe alunos de 1 a 10 anos
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias