Polícia Civil já tem um suspeito do ataque à deputada Martha Rocha

às

O diretor do Departamento Geral de Homicídios e Proteção à Pessoa, Antônio Ricardo Lima Nunes, informou que já chegaram ao nome de um suspeito responsável pelo ataque à deputada Martha Rocha, que teve seu carro alvejado na manhã deste domingo (13). A corporação segue inicialmente a linha de tentativa de latrocínio.

“Seguindo essa linha, já temos um suspeito. A Delegacia da área tem relatos de outros crimes na região com o mesmo tipo de abordagem e um homem portando fuzil, em que o objetivo é roubar carros. Ninguém mata com tantos tiros nos pneus”, afirmou Antônio Ricardo, em referência a estimativa de seis a oito tiros que foram disparados pelos criminosos em direção ao carro da deputada e que atingiram a lataria e os dois pneus esquerdos do veículo.

De acordo com ele, já há uma ordem de prisão contra este suspeito, que seria da região do Complexo da Penha. A identificação não foi divulgada, para não atrapalhar o andamento do caso.

Antônio Ricardo Lima Nunes não descartou, porém, a possibilidade de um atentado. “Foram recolhidos estojos de fuzil no local do crime e imagens de câmeras de segurança do local. Mas nesta segunda-feira, o carro da deputada passará por uma perícia complementar e vamos colher novas imagens com o comércio que fica ao redor da área da ocorrência. A análise de imagens é que vai apontar tudo com mais precisão”.

Em depoimento mais cedo na Divisão de Homicídios, a deputada estadual Martha Rocha contou saber desde novembro ser um dos alvos de um grupo de milicianos que ameaçam autoridades do estado.

Veja também

Cantor L7nnon é a atração principal deste domingo (19/05) da festa que acontece na Avenida Benvindo Taques Horta, na orla de Itaipuaçu
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias