Rio Bonito recebe atletas do Brasil e da América Latina em evento de cliclismo

Rio Bonito sediou nos últimos dias 14, 15 e 16 a Taça Brasil de 2024, competição internacional de ciclismo que reuniu 130 atletas
às
bike 1
Foto: Matheus Mendes

Lívia Louzada

Rio Bonito sediou nos últimos dias 14, 15 e 16 a Taça Brasil de 2024, competição internacional de ciclismo que reuniu 130 atletas do Brasil e da América Latina nas categorias XCO, UPHILL e XCC. Homens, mulheres e jovens competiram na modalidade mountain bike nos bairros da Praça Cruzeiro e da Serra do Sambê. O evento foi promovido pela Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecierj), com o apoio da Prefeitura de Rio Bonito, governo do Estado, sob a supervisão da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e da União Ciclística Internacional de Mountain Bike.

A Taça Brasil contará pontos para os rankings Estadual, da CBC e da União Ciclista Internacional.

Esse foi o primeiro evento do esporte no município depois da inauguração da sede da Fecierj em Rio Bonito, que ganhou o título de capital estadual do ciclismo. Segundo a própria Federação, a cidade recebeu cerca de 500 pessoas somente para a Taça.

De acordo com o presidente da Fecierj, Adayr Aparecido Souza, mais conhecido como Tuche, os espectadores gostaram do evento na cidade e prometeram retornar.

“Eles (os amantes do esporte que conferiram a competição) estão admirados com a cidade, acharam linda. Visitaram a praça Green Valley e estão encantados com a beleza natural de Rio Bonito. Eles estarão presentes em todos os próximos campeonatos”.

Disputas

No sábado (15), os atletas competiram no circuito UPHILL, com percurso de sete quilômetros. Já no domingo (16), foi a vez dos ciclistas de XCO mostrarem muita garra nos trajetos da cidade.

O evento contou com disputas em 13 categorias, sendo a Elite a principal delas. A competição teve brazucas e atletas internacionais nos pódios feminino e masculino. Na categoria Elite feminino, a chinela Yarela Gonzalez foi a grande campeã. Em 2º lugar ficou Renata Dias e em 3º, Rosiana Farias.

Na categoria Elite masculino o lugar mais alto do pódio da Taça Brasil 2024 ficou para o Brasil, com Cainã Oliveira, seguido do chileno Nicolás Delich em 2º lugar e o peruano Frank Farfan, em 3º.

Para Tuche, o balanço do evento foi positivo tanto para a organização, quanto para os atletas. “Foi excelente, mudamos de classe por conta da entrega do evento, que foi internacional UCI e Nacional CBC. Os atletas ficaram encantados com a pista e com a estrutura encontrada”, avaliou o presidente.

Veja também: Rio Bonito Recebe Taça Brasil de Ciclismo neste Final de Semana e nos acompanhe nas redes sociais.

Veja também

Segundo o Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), seis municípios no estado do Rio
às
As compras internacionais feitas a partir do próximo sábado, dia 27, já poderão vir a ser taxadas com o novo imposto de importação
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias