Lona na Lua apresenta ‘Cuidando das Águas do Rio’ em Rio Bonito

às
foto destaque site (6)
Foto: Lívia Louzada

Depois de passar por cinco cidades do estado, o Lona na Lua encenou a peça ‘Cuidando das Águas do Rio’ em Rio Bonito. No dia 4 a apresentação foi no Colégio Municipal Astério Alves de Mendonça e, no dia seguinte foi a vez da Escola Municipal Professor Honesto de Almeida Carvalho. O intuito da apresentação é que crianças e jovens aprendam sobre a preservação do meio ambiente, passando pelo descarte correto do lixo e a importância da limpeza dos rios. No mês de agosto ‘Cuidando das Águas do Rio’ será encenada na cidade de Cordeiro.      

Além disso, leia também outras notícias sobre o Lona na Lua.

O projeto “Cuidando das Águas do Rio” tem patrocínio da Águas do Rio e Instituto Aegea, via Lei Federal de Incentivo à Cultura e é uma realização do Lona na Lua, Ministério da Cultura e Governo Federal.

Ao todo, o Lona na Lua vai percorrer 12 cidades e apresentar a peça para milhares de estudantes. Inicialmente, a estimativa era apresentar para 9.600 estudantes do estado, mas esse número deve chegar a cerca de 12 mil. Todas as 48 apresentações terão uma intérprete de Libras para traduzir o espetáculo.

Cuidando das Águas do Rio. O Lona na Lua apresentou a peça 'Cuidando das Águas do Rio' em Rio Bonito nos dias 4 e 5 de julho.
Cuidando das Águas do Rio – Foto: Lívia Louzada

Segundo a gerente de relacionamento institucional da Águas do Rio, Roberta Moraes, a intenção é levar educação socioambiental para os estudantes através do teatro. 

“O objetivo da apresentação desse espetáculo é levar educação socioambiental por meio do teatro de uma maneira lúdica e divertida para que as crianças entendam que o papel de cuidar do meio ambiente é de todos nós. Hoje Rio bonito é uma das 12 cidades, entre as 27 que a Águas do Rio atua, que está recebendo esse espetáculo e vão ser mais de 48 apresentações em todo o estado, então a gente fica muito feliz de proporcionar cultura, lazer e entretenimento para as crianças e de passar também uma mensagem tão importante, que é o cuidado com o meio ambiente”.

Para o diretor e fundador do Lona na Lua, Zeca Novais, chegar com a peça a Rio Bonito, através de uma grande parceria, tem um significado especial, já que a instituição nasceu na cidade há 15 anos.

“Literalmente estamos em casa. Estou muito feliz porque aqui foi onde tudo começou, onde a história dessa instituição começa. E agora, com 15 anos, poder fazer um projeto tão potente ao lado do Instituto Aegea, da Águas do Rio, grandes empresas que estão oferecendo arte para tantas crianças, é uma honra. Quero agradecer aos coordenadores, aos educadores, nossos grandes aliados nessa caminhada, e também a Secretaria Municipal de Educação por abrir as portas para esse projeto tão importante”, disse Zeca.

Foto: Lívia Louzada

A diretora da Escola Municipal Professor Honesto de Almeida Carvalho, Graziele Marques, disse que a apresentação da peça corroborou com o trabalho que a escola desenvolveu na Semana do Meio Ambiente, que aconteceu em junho.   

“Essa apresentação foi muito importante para complementar o trabalho que a gente desenvolveu na Semana do Meio Ambiente e conscientizar sobre os cuidados com a água. Esse trabalho na escola é contínuo, pois as crianças são multiplicadoras desse conhecimento para a cidade, para a família e para a comunidade em si. Agradeço o Lona na Lua, que está sempre aí com a gente desenvolvendo o trabalho deles, e as crianças conhecem bem, e a Águas do Rio, que é sempre parceirona da escola. Estamos muito felizes por estarmos recebendo esse projeto aqui e as crianças estão amando”, analisou a diretora.

As alunas do 5º ano, Luna Machado, e do 6º ano, Rayssa Torres, assistiram a peça e falaram do que aprenderam com a apresentação. “Eu achei legal porque eles incentivaram as crianças a jogarem lixo no lugar correto”, disse Rayssa. Já a aluna do 5º ano, falou: “eu aprendi que a gasolina e a fumaça que sai do carro, polui o ar da cidade”.

Assim que ler a matéria, deixe seu comentário e nos siga nas redes sociais.

Por Lívia Louzada

Veja também

Light afirma que teve que fazer uma parada emergencial por causa de um defeito na rede subterrânea.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias