Rio Bonito realiza III Simpósio de Educação

O evento deste ano aconteceu em único dia com palestra magna pela manhã e 25 oficinas realizadas,
às
simposio 3
Foto: Aila Pinheiro

Dando início ao ano letivo de 2024, cerca de 1.200 profissionais das escolas municipais participaram do III Simpósio de Educação de Rio Bonito, realizado nesta quinta-feira (01), na quadra da E. M. Prof. Honesto de Almeida Carvalho, no bairro Mangueirinha. O evento deste ano aconteceu em único dia com palestra magna pela manhã e 25 oficinas realizadas no C. M. Dr. Astério Alves de Mendonça, no turno da tarde.

Logo na entrada, assim que realizavam o credenciamento, os profissionais eram acolhidos por uma ambiência musical liderada pelo cantor, e também servidor da rede, Bruno Reis.

Elisama Santos, escritora e psicanalista, falou sobre comunicação não-violenta como forma de facilitar a vida dos indivíduos a fim de buscar melhor compreensão pelas pessoas, famílias e, principalmente, pelos atores envolvidos nas escolas, como professores, equipe de apoio, alunos e seus responsáveis.

“As pessoas veem a realidade de pontos de vistas diversos. Toda conversa precisa partir do princípio que nós vemos coisas diferentes um do outro. A nossa escuta deve abrir espaço para ter empatia ….”, enfatizou a palestrante.

Para o secretário de Educação, Adalmir Cardoso, o Simpósio de Educação é um grande encontro de todas as categorias de profissionais das escolas para aprendizado em conjunto que focaliza um tema de importância para a rede.

“O Simpósio foi pensado para ser um fomentador de conhecimento seja nas palestras ou nas diversas oficinais oferecidas. É muito bonito ver nossos servidores abraçando esse evento durante as três edições que realizamos e, desta vez, abrindo o ano letivo da rede”, expressou o secretário.

O recém reinaugurado prédio do C. M. Dr. Astério Alves de Mendonça foi o palco das 25 oficinas oferecidas nessa edição com diversos temas voltados para o âmbito educacional. Na sua oficina, a nutricionista do Setor de Alimentação Escolar, Thaís Castro, abordou o tema sobre seletividade alimentar na infância.

Ela contou que “se sentiu bastante realizada por ministrar uma oficina no Simpósio ao trazer um tema muito importante para as escolas e creches, pois é nessa etapa da vida da criança que elas aprendem a comer”.

A merendeira, Vanessa Figueiredo, foi uma das participantes da oficina. “Foi um momento muito produtivo para o meu trabalho na escola com os alunos. A gente que serve as crianças no recreio, sabe bem como é difícil mostrar que um ou verdura é importante para elas se alimentarem bem”, disse a servidora.

Foto: Aila Pinheiro



Veja também: Rio proíbe uso de celulares nas escolas; veja as exceções e nos acmpanhe nas redes sociais.

Veja também

Ministério Público do estado, Secretaria de Polícia Civil e Delegacia de Homicídios também foram oficiados
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias