Copa do Mundo Feminina: vai ser ponto facultativo?

às
4

Na Copa do Mundo masculina, já virou rotina: dia de jogo do Brasil não é dia de trabalho, pelo menos durante as duas horas de jogo. Será igual no Mundial feminino, cuja estreia da seleção brasileira será na segunda-feira, dia 24, às 8h? Em alguns lugares, sim pela primeira vez.

O governo federal, alguns governos estaduais e algumas prefeituras decretaram ponto facultativo na administração pública quando Marta & Cia entrarem em campo. No setor privado, fica a critério das empresas liberar para ver o jogo fora do trabalho ou oferecer espaços com telão.

Na primeira fase, o Brasil jogará, dia 24, contra o Panamá, às 8h; dia 29, contra a França, às 7h, e dia 2 de agosto, contra a Jamaica, também às 7h.

Onde será ponto facultativo?

  • Governo Federal: O presidente Lula decretou ponto facultativo para os servidores federais a pedido da ministra dos Esportes, Ana Moser. Os servidores públicos federais poderão se ausentar no horário dos jogos e retornar ao trabalho até duas horas depois do fim da partida.
  • Estado do Rio: O governo do Rio também decretou ponto facultativo da seguinte forma: nos dias em que os jogos se realizarem até as 7h30m, o expediente terá início às 11h. Nos dias em que os jogos se realizarem às 8h, o expediente começará ao meio-dia. Não se aplica aos serviços considerados essenciais.
  • Distrito Federal: No DF, os servidores terão ponto facultativo durante os jogos do Brasil e vão iniciar as atividades até duas horas após o término das partidas da seleção.
  • Angra dos Reis: Os servidores da prefeitura de Angra dos Reis terão expediente especial nos dias de jogo do Brasil. A entrada dos funcionários será alterada para as 10 horas da manhã, na fase de grupos.
  • Maricá: A prefeitura de Maricá modificou o horário de expediente nos órgãos e entidades do município durante os jogos do Brasil. O expediente dos servidores vai começar 1h15 após o término das partidas.

Crédito: oglobo.globo.com

Foto: Alexandre Cassiano

Veja também

Light afirma que teve que fazer uma parada emergencial por causa de um defeito na rede subterrânea.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias