Dicas para se proteger de roubos em blocos

Delegado Bruno Ciniello afirma que é necessário ter cuidado ao mexer no celular, e que o ideal é andar em grupos.
às
Screenshot_2
Foto: Divulgação/Léo Zielinsky

O carnaval do Rio de Janeiro começou e daremos dicas para se proteger de roubos em blocos de rua, já que os furtos multiplicam nesta época do ano.

São mais de 450 blocos espalhados pelo Rio, na época favorita de muitos cariocas. Mas você sabe como se proteger de furtos e roubos?

Dicas para se proteger de roubos em blocos
Dicas para se proteger de roubos em blocos – Foto: Divulgação/Léo Zielinsky

O g1 reuniu dicas de como manter seu celular e pertences mais protegido o possível, mas não se esqueça: estar sempre atento é o mais importante. Não pode bobear.

A designer de moda e empresária Marcella Paskins, de 27 anos, é assídua do carnaval carioca. Dona da marca Gandaia, ela cria roupas inclusivas para o carnaval que contam com bolsos para facilitar a vida do folião.

Leia também – Guarda Municipal promove ação de conscientização no trânsito para o carnaval em Itaboraí siga nossas Redes Sociais.

A marca está em seu sétimo ano e foi criada depois da Marcella presenciar diversas perdas e furtos. Por experiência própria e buscando ajudar os clientes, ela separou dicas e macetes para auxiliar:

  • Se usar pochete, lacre o fecho da alça (para evitar que se desprenda do seu corpo)
  • Deixe a pochete em cima do bolso da roupa, para dificultar o acesso a ele
  • Evite deixar celular e carteira em locais facilmente acessíveis, de preferência coloque dentro da roupa
  • Prenda o zíper da pochete ou bolsa com algo que impeça a abertura. Alguns foliões usam arames enrolados, outros chaveiros
  • Amarre a capinha do celular a alguma peça de roupa sua, preferencialmente íntima, para evitar que ele seja levado sem sua percepção

De acordo com o delegado titular da 4ªDP (Presidente Vargas), é indicado evitar o uso do celular em um local que seja mais vulnerável à atividade de criminosos.

“Considerando ainda que atualmente o aparelho é cobiçado para subtração de dados financeiros da vítima, é indicado manter sempre com senhas e protegido”, afirma o delegado Bruno Ciniello.

Uma das formas de se proteger caso seu aparelho seja roubado, é não deixar seus aplicativos bancários logados ou salvos no celular quando for a blocos. Assim, quando procurarem informações, será mais difícil invadir suas contas.

“E sem celular, como eu pago as coisas?” – para isso, saque o valor que você pretende gastar e pague suas compras como antigamente: em dinheiro de papel.

Além de deixar a opção de pagamento por aproximação dos cartões desativada, Ciniello endossa que não dá para perder de vista seus pertences.

“Sempre usar bolsas ou acessórios para que os documentos e valores estejam de forma bem próximas ao corpo e ao seu alcance visual. O ideal é dar preferência para andar em grupo e sempre deixar parentes e amigos cientes do passeio e localização, além de evitar ruas mais vazias”, destaca o delegado.

Fora isso, atenção ao seu entorno e moderação são as palavras-chaves para curtir sem dores de cabeça.

Crédito: g1

Veja também

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Saúde, abriu nesta segunda-feira (04/03) o segundo polo de atendimentos à dengue
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias