Campanha de adoção de animais de Maricá consegue lar para 13 pets

A primeira campanha de adoção animal de 2022 conseguiu um novo lar para 13 bichinhos, sendo nove cães e quatro gatos, durante ação promovida pela Coordenadoria Especial de Proteção Animal no último domingo (16/01), no Shopping Boulevard Maricá, no Centro.

Responsável pela feira de adoção, Débora Maciel, da Coordenadoria de Proteção Animal, falou sobre a importância de retornar com o evento no início deste ano.

“O abandono de animais está muito grande na cidade. Então, as pessoas resgatam os bichinhos e nós os orientamos a trazê-los para cá. Hoje são 13 animais que ganham a oportunidade de ter um novo lar, ao invés de ficarem jogados na rua”, afirmou, lembrando que a ação acontece sempre no terceiro domingo de cada mês.

Gatos encantam novos donos

Com um pouco mais de um ano, a felina Paty de três patinhas ganhou um novo lar, em Teresópolis. Adotada por um casal de Niterói, ela vai para a casa de Angela, mãe de Aloísio Moura, 51 anos.

“Nós viemos fazer um show aqui e descobrimos a feira por acaso. Minha mãe queria uma gatinha amarela, mas quando a gente viu a Paty se apaixonou por ela. Ela é muito meiga e vai ter uma vida fácil no apartamento da minha mãe”, contou Aloísio afirmando que o nome da gatinha será mantido.

A pequena Maria Luísa, de 11 anos também escolheu uma gatinha. “Eu já tenho uma gatinha de oito anos e também adquiri por adoção. Acho importante transmitir para a criança essa questão de adotar ao invés de comprar o bichinho. Ela ficou em dúvida entre essa e um macho, mas os olhos brilharam quando tomou a decisão. Foi uma escolha do coração”, explicou a mãe da menina, Luciana Maral, 47 anos, moradora de Araçatiba.

Cães vão alegrar suas famílias

Moradora de Itapeba, Elisabeth Coutinho, 74 anos, adotou duas cadelinhas.

“Eu tinha um cãozinho que morreu há mais ou menos um mês. Era um rottweiler de dez anos, que estava com câncer. Eu chorei muito e também perdi meu irmão na mesma época. Agora eu vou levar dois para ocupar um pouco do vazio que o meu deixou. Eu ia levar uma só, mas fiquei doida pelas duas e elas têm cerca de dois meses”, contou.

Moradora do Vale da Figueira, em Ponta Negra, Caroline Oliveira, 29 anos, levou para casa seu melhor amigo, que tem cerca de quatro meses.

“Eu já tinha vontade de adotar e aí perdi meu cachorrinho na última semana, que eu havia resgatado na rua. Então, resolvi vir hoje aqui adotar um macho. Meu filho, Joaquim, já batizou e colocou o nome dele de Jack”, contou.

 

Foto: Pedro Solis

Feira de adoção de Maricá consegue lar para 28 animais

A Prefeitura de Maricá, por meio da Coordenadoria de Proteção Animal, realizou no domingo (19/12) a última edição da Feira de Adoção de Cães e Gatos de 2021, conseguindo um novo lar para 28 animais (14 cães e 14 gatos) dos 52 disponíveis para a adoção. Os animais estavam sob cuidados de protetores e foram resgatados das ruas.

O coordenador de Proteção Animal Fabiano Novaes fez um balanço das ações deste ano.

“Demos oportunidade para que animais abandonados ou de crias indesejadas pudessem ganhar um lar. Reiniciamos essa ação pós-pandemia oficializando mais de 200 castrações”, disse ressaltando que todos os animais adotados nas campanhas serão castrados pela prefeitura.

A campanha acontece sempre no terceiro domingo de cada mês na área externa do shopping Boulevard, no Centro.

Morador do bairro Flamengo, Franco Savala foi na feira na busca para adotar uma cadela.

“É muito triste ver esses bichinhos jogados na rua. Eles merecem uma oportunidade como todo mundo. Essa é a primeira vez que adoto, mas assim que possível pretendo adotar mais uma”, afirmou Franco.

Castração gratuita de animais

A Coordenadoria de Proteção Animal realizou a castração gratuita de cerca de 2.400 animais. As inscrições para a nova rodada de castrações serão abertas no dia 3 de janeiro de 2022. Os interessados podem comparecer à sede da Coordenadoria (Rua Prefeito Hilário Costa e Silva, n°100, Parque Eldorado), às segundas, quartas ou sextas-feiras, das 9h às 11h.

Para realizar o cadastro, é necessário apresentar cópias dos seguintes documentos: comprovante de residência em Maricá; identidade e CPF; Número de Inscrição Social (NIS); Cartão Mumbuca, Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) ou outro comprovante de rendimento mostrando preferencialmente renda familiar de até três salários mínimos. Para autônomos, levar cópia da carteira de trabalho para comprovar o rendimento.

Fotos: Pedro Solis

Feira de adoção de cães e gatos consegue lar para 21 animais

A Prefeitura de Maricá, por meio da Coordenadoria de Proteção Animal, realizou no domingo (21/11) mais uma edição da Feira de Adoção de cães e gatos, conseguindo um novo lar para 21 animais (13 cães e 8 gatos) dos 59 disponíveis para a adoção. O evento ocorre sempre no terceiro domingo de cada mês na área externa do shopping Boulevard, no Centro.

Coordenador da Proteção Animal de Maricá, Fabiano Novais antecipou algumas novidades que serão implementadas em 2022. Uma delas é o projeto de socialização de cães com os novos donos, que visar ensinar técnicas básicas de adestramento para quem participa das campanhas.

“Temos planos também de expandir a feira no próximo ano, realizando duas edições mensais em vez de apenas uma como fazemos hoje. Estamos avaliando também levar o evento para outros bairros de acordo com a demanda. Aqui no Centro já virou tradição, com um público consolidado, por isso precisamos manter”, ponderou.

Uma das pessoas que levou um cãozinho para casa foi Diana Cunha, de 43 anos. Ainda sem decidir o nome para o novo pet, ela disse que a feira é importante para os próprios bichinhos. “É melhor levá-los para casa do que deixá-los na rua”, afirmou.

Morador de Ubatiba, o pedreiro Ismael Francisco, de 48 anos, contou que apenas passava pelo local quando viu os animais expostos para adoção e acabou levando para a casa a vira-lata Pretinha. “Agora vou ter de juntá-la com os dois pinshers que já tenho. É bom para não deixar os bichinhos largados por aí”, avaliou.

Campanha de adoção de animais em Maricá acontece neste domingo (21/11)

A Prefeitura de Maricá realiza neste domingo (21/11) a sétima edição da Campanha de adoção de cães e gatos, idealizada pela Coordenadoria Especial de Proteção Animal, que acontece das 13h às 17h, no estacionamento do Shopping Boulevard Maricá, no Centro. Ao todo, 50 animais, entre filhotes e adultos, estarão disponíveis para a adoção.

O responsável pela coordenadoria, Fabiano Novaes, afirmou que a campanha é uma grande oportunidade para aquelas pessoas que buscam um animalzinho de estimação. “Participam da campanha protetores e moradores que realizaram o resgate ou são donos de cadelas que tiveram filhotes não programados, evitando, assim, o abandono, além de dar oportunidade a estes animais terem um lar para toda a vida.”, disse.

Todos os animais doados saem do local castrados ou com a garantia de castração gratuita, oferecida pela Coordenadoria Especial de Proteção Animal.

Os interessados em adotar precisam ter mais de 18 anos, apresentar uma cópia da identidade, CPF e comprovante de residência. A ação respeita todos os protocolos sanitários de enfrentamento à pandemia da Covid-19, como distanciamento entre as pessoas, oferta de álcool em gel, entre outros.

Serviço: Feira de Adoção de Animais

Local: Shopping Boulevard Maricá – Avenida Roberto Silveira, 93 – Centro
Dia: 21/11 – Domingo
Horário: 13h às 17h

Documentação: Maiores de 18 anos, apresentar uma cópia da identidade, CPF e comprovante de residência.

 

 

Voluntários organizam bazar para ajudar gatinhos abandonados em Cabo Frio

Voluntários de Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, estão organizando um bazar beneficente para ajudar gatinhos que estão abandonados no Canto do Forte, na Praia do Forte.

O bazar Bigodinhos do Forte será realizado nesta sexta-feira (12) e sábado (13), das 11h às 19h, em uma loja na rua Maria Nogueira Machado, número 81, no Centro da cidade.

Durante o evento, serão vendidos acessórios, roupas, lingeries, calçados e bolsas. O objetivo da campanha é arrecadar dinheiro para fazer resgates, vacinação, castração e cuidados médicos dos animais.

Ainda de acordo com os organizadores, o projeto está convocando novos voluntários, madrinhas e padrinhos que possam colaborar com as atividades de proteção aos animais.